A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Retomada de empréstimo emergencial a empresas será menor, diz BNDES

O programa, que terminou em dezembro, desembolsou cerca de 92 bilhões de reais, disse o presidente do banco, Gustavo Montezano

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) está pronto para uma retomada da linha de crédito emergencial para empresas, mas uma segunda rodada do programa terá abrangência menor devido a restrições orçamentárias do governo federal, disse o presidente do banco, Gustavo Montezano.

"Nós estamos prontos, dependemos só de aval do Congresso Nacional", disse Montezano nesta terça-feira durante evento promovido pelo Banco Daycoval. "Mas, desta vez, o programa seria mais cirúrgico por causa de restrições fiscais."

Criado no ano passado para apoiar empresas com faturamento de 360 mil a 300 milhões de reais, o Programa Emergencial de Acesso a Crédito (Peac) contou com uma garantia de 80% do BNDES.

O programa, que terminou em dezembro, desembolsou cerca de 92 bilhões de reais, disse Montezano.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também