PIB do G20 avança 0,7% no 1º trimestre de 2021

A alta havia sido de 1,3% no trimestre anterior. A OCDE diz que a perda de fôlego se deve sobretudo ao desempenho mais fraco dos Estados Unidos
 (Jean Ayissi/AFP)
(Jean Ayissi/AFP)
E
Estadão ConteúdoPublicado em 14/06/2022 às 10:23.

A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) afirmou que o Produto Interno Bruto (PIB) do G20 avançou 0,7% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com o trimestre anterior. No quarto trimestre de 2021, a alta havia sido de 1,3% ante o trimestre anterior, portanto o quadro é de desaceleração.

Em comunicado, a OCDE diz que a perda de fôlego se deve sobretudo ao desempenho mais fraco dos Estados Unidos, com contração de 0,4% no PIB no primeiro trimestre, após avanço de 1 7% no quarto trimestre.

Na Austrália e na Indonésia houve também desaceleração mais acentuada, com perda de fôlego menos intensa em Canadá, China, Índia, Itália, Coreia do Sul, Turquia e Reino Unido.

Já França e Japão tiveram contração de 0,2% e 0,1%, respectivamente.

Apesar da tendência do G20 como um todo, alguns países, como Brasil, Alemanha, México, Arábia Saudita, África do Sul, além da União Europeia como um todo, tiveram crescimento maior no primeiro trimestre de 2022 do que no quarto trimestre de 2021, segundo a OCDE.

A Arábia Saudita cresceu 2,6% ante o trimestre anterior no primeiro trimestre, o resultado mais elevado entre as economias do G20, puxado pelo setor de petróleo, diz o comunicado.

VEJA TAMBÉM: Setor de serviços subiu 0,2% em abril, segundo IBGE

Veja Também

Guedes cita alvo de 60% do PIB para dívida pública
Economia
Há um dia • 2 min de leitura

Guedes cita alvo de 60% do PIB para dívida pública

Gustavo Franco: Quase lá
Invest Opina
Há uma semana • 4 min de leitura

Gustavo Franco: Quase lá