A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Governo reduz para 2,5% previsão de crescimento em 2014

A previsão anterior era 3,8%

Brasília - O governo federal reduziu de 3,8% para 2,5% a previsão de alta do Produto Interno Bruto (PIB) em 2014, que é usada como parâmetro macroeconômico para o Orçamento da União deste ano.

O valor é bem mais otimista do que a expectativa de 1,79% de crescimento da economia brasileira projetada pelos analistas econômicos, segundo a Pesquisa Focus do Banco Central.

Quando enviou o projeto de lei orçamentária ao Congresso Nacional, a expectativa de crescimento do PIB era de 4% para este ano. Mas o Congresso, na votação da lei orçamentária, reduziu para 3,8%.

No decreto de programação Orçamentária, divulgado nesta quinta-feira, 20, o governo reduziu a previsão de alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 5,8% para 5,3% este ano. A estimativa de taxa de câmbio (média) subiu de R$ 2,30 (prevista na lei orçamentária) para R$ 2,44 no decreto.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também