Empréstimos bancários da China enfraquecem em dezembro

Empréstimos bancários na China desaceleraram em dezembro mas as empresas levantaram mais crédito através de títulos e canais sem regulação

Pequim - Os empréstimos bancários na China desaceleraram em dezembro mas as empresas levantaram mais crédito através de títulos e canais do sistema bancário sem regulação, provocando dúvidas sobre a qualidade do empréstimo diante da demanda fraca e da pressão deflacionária.

Os bancos concederam 597,8 bilhões de iuanes (90,76 bilhões de dólares) em novos empréstimos no último mês de 2015, menos do que o esperado e contra 708,9 bilhões em novembro, segundo dados divulgados nesta sexta-feira.

Isso reforçou as preocupações de que os esforços de Pequim para reduzir o custo do crédito convencional através de afrouxamento monetário não estão sendo transmitidos para a economia real.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.