Brent sobe acima de US$109 com tensão na Ucrânia

Tensões na Ucrânia mantinham investidores nervosos, embora um gradual retorno da oferta de óleo da Líbia tenha limitado a alta

Londres - O petróleo Brent subiu acima de 109 dólares por barril nesta sexta-feira com tensões na Ucrânia mantendo investidores nervosos, embora um gradual retorno da oferta de óleo da Líbia tenha limitado a alta.

O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, avisou a Rússia que ela irá enfrentar sanções econômicas e industriais mais amplas por parte dos EUA e da Europa se interferir nas eleições presidenciais da Ucrânia em 25 de maio.

O Brent subia 0,43 dólar a 109,52 dólares por barril às 9h56 (horário de Brasília). O petróleo nos EUA tinha alta de 0,36 dólar, a 101,86 dólares.

"A situação com a Ucrânia está impedindo vendedores de serem muito agressivos", disse o analista-chefe de mercado da CMC Markets, Ric Spooner.

A gradual recuperação da produção líbia ajudava a conter a alta do mercado. A produção de petróleo da Líbia tem subido lentamente para o patamar de 300 mil barris por dia, com os trabalhos nos campos de El Feel e Wafa já retomados.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.