Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

57% dos brasileiros pretendem fazer compras na Black Friday

Pesquisa EXAME/IDEIA aponta quais os itens mais desejados pelos brasileiros na Black Friday e quanto a população está disposto a gastar com promoções

Mais da metade dos brasileiros, 57%, pretende fazer compras na Black Friday, na próxima sexta-feira, 26, segundo dados da mais recente pesquisa EXAME/IDEIA. O item de consumo desejado pela maior parte da população é vestuário, seguido de eletrodomésticos e telefones celulares.

A pesquisa é um projeto que une EXAME e o IDEIA, instituto de pesquisa especializado em opinião pública. A sondagem ouviu 1.277 pessoas entre os dias 18 e 22 de novembro. As entrevistas foram feitas por telefone, com ligações tanto para fixos residenciais quanto para celulares. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Clique aqui para ler o relatório completo.

Em relação a 2020, o número de pessoas que querem comprar na Black Friday cresceu 13%, como explica Maurício Moura, fundador do IDEIA. “Observa-se que o número de pessoas que não pretendem comprar na Black Friday, 20%, é menor em 2021 do que no ano passado. Para se ter uma noção, em 2020, 50% dos respondentes afirmaram que não aproveitaram os descontos”, diz.

 (Arte/Exame)

Brasileiro quer roupa nova

Assim como em 2020, o brasileiro busca boas promoções de roupas na Black Friday. Entre os entrevistados, 47% pretendem comprar algum item de vestuário. Logo depois vem os calçados, com 32% das intenções de compra, seguido de eletrodomésticos (21%) e telefone celular (21%).

 (Arte/Exame)

Quando se analisa por classe social, roupas são o item mais almejado por todas as faixas. Na segunda posição, calçados serão as escolhas das classes A e B, e também da classe C. Já nas classes D e E, o celular é o produto que essas parcelas da população pretendem comprar na Black Friday.

Com a inflação de dois dígitos batendo na porta, e o encolhimento do poder de compra, os brasileiros devem gastar menos com a sexta-feira de descontos. Metade da população, 50% pretendem gastar de 50 a 500 reais. Em 2020, este número era de 48%.

Neste ano, aproximadamente 18% devem gastar até 1.000 reais, e 24% pretendem tirar do bolso mais que este valor. Em 2020, 31% disseram que gastaram mais de 1.000 em compras na Black Friday.

 (Arte/Exame)

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também