Volkswagen Gol sairá de linha e edição de despedida custará mais de R$ 120 mil; conheça

Versão Last Edition terá produção limitada a mil unidades e desenho exclusivo, mas preço supera "irmãos" modernos como T-Cross, Nivus e Polo

Além da nova cor, a versão terá adesivos e detalhes pintados de preto (Mobiauto/Overboost BR/Reprodução)

Além da nova cor, a versão terá adesivos e detalhes pintados de preto (Mobiauto/Overboost BR/Reprodução)

GA

Gabriel Aguiar

Publicado em 7 de novembro de 2022 às 15h33.

Última atualização em 7 de novembro de 2022 às 16h08.

O Volkswagen Gol está prestes a sair de linha no mercado brasileiro e a edição de despedida já está a caminho das concessionárias. E a novidade deverá custar mais de R$ 120 mil — ou seja, mais que o SUV T-Cross. Curioso para saber quais serão as diferenças? Ainda não há imagens oficiais, só que o visual terá detalhes exclusivos nessa configuração, conforme antecipou o site Mobiauto.

VEJA TAMBÉM

É previsto que o Gol Last Edition seja limitado a mil unidades, mas a produção pode incluir outros dois lotes e chegar a 3 mil unidades caso haja demanda. E a própria Volkswagen já aproveitou esse recurso para edição da despedida da Kombi: inicialmente limitado a 600 unidades, o modelo dobrou a produção da série Last Edition para 1,2 mil unidades (e gerou revolta de colecionadores).

Segundo o site Autos Segredos, para reconhecer a edição bastará observar a carroceria Vermelho Sunset, que virá emprestada do SUV Nivus. Para quem não for especialista em tons da Volkswagen, uma solução será reconhecer os adesivos pretos na base das portas e na tampa do porta-malas — que repetem a cor de maçanetas e rodas. Outra novidade será a proteção plástica dos paralamas.

Volkswagen Gol Last Edition

Cabine será semelhante à versão comum, exceto pela placa de identificação (Volkswagen/Divulgação)

Não será surpresa se o Gol Last Edition receber todos os equipamentos disponíveis atualmente, como central multimídia com comandos por voz, conectividade para Apple CarPlay e Android Auto; sensor de estacionamento traseiro; vidros elétricos nas quatro portas; e direção hidráulica. Só que o motor é o mesmo 1.0 de até 77 cv de potência, sempre com câmbio manual de cinco marchas.

O que achou dos preços? É verdade que, pelo mesmo valor, é possível levar opções mais modernas da própria marca (como o já citado T-Cross, mas também os “irmãos” Polo e Nivus). Mas, caso siga o exemplo da própria Kombi Last Edition, a expectativa é de que o “último Gol fabricado” só valorize: vendido a R$ 85 mil no lançamento, em 2013, o furgão é anunciado por R$ 200 mil.

Procurada, a Volkswagen não respondeu à reportagem até o momento da publicação.

Conheça a newsletter da EXAME Casual, uma seleção de conteúdos para você aproveitar seu tempo livre com qualidade.

Acompanhe tudo sobre:CarrosCarros 0KVolkswagenVW Gol

Mais de Casual

Conheça apartamento avaliado em R$ 19,8 milhões com campo de golfe e piscina suspensa na varanda

11 livros essenciais para o sucesso recomendados por CEOs e grandes executivos

Executivo da Uniqlo: consumidor quer versatilidade nas peças de roupa

O discreto Corolla Cross chega com novo visual. Quer saber o preço?

Mais na Exame