• AALR3 R$ 19,67 -0.41
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,52 -0.12
  • ABEV3 R$ 14,78 1.65
  • AERI3 R$ 4,10 9.33
  • AESB3 R$ 10,82 1.69
  • AGRO3 R$ 31,33 -2.28
  • ALPA4 R$ 21,95 0.69
  • ALSO3 R$ 19,73 0.20
  • ALUP11 R$ 26,31 0.23
  • AMAR3 R$ 2,30 3.14
  • AMBP3 R$ 29,67 -0.27
  • AMER3 R$ 23,77 3.12
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,59 3.90
  • ARZZ3 R$ 81,91 -0.70
  • ASAI3 R$ 15,29 -1.23
  • AZUL4 R$ 21,30 3.00
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
  • AALR3 R$ 19,67 -0.41
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,52 -0.12
  • ABEV3 R$ 14,78 1.65
  • AERI3 R$ 4,10 9.33
  • AESB3 R$ 10,82 1.69
  • AGRO3 R$ 31,33 -2.28
  • ALPA4 R$ 21,95 0.69
  • ALSO3 R$ 19,73 0.20
  • ALUP11 R$ 26,31 0.23
  • AMAR3 R$ 2,30 3.14
  • AMBP3 R$ 29,67 -0.27
  • AMER3 R$ 23,77 3.12
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,59 3.90
  • ARZZ3 R$ 81,91 -0.70
  • ASAI3 R$ 15,29 -1.23
  • AZUL4 R$ 21,30 3.00
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
Abra sua conta no BTG

Max Verstappen conquista primeiro título na Fórmula 1

O piloto holandês derrotou Lewis Hamilton na decisão mais acirrada da categoria dos últimos 47 anos. Ou seria de todos os tempos?
 (Reuters/Nicolas Tucat)
(Reuters/Nicolas Tucat)
Por Ivan PadillaPublicado em 12/12/2021 11:40 | Última atualização em 12/12/2021 13:46Tempo de Leitura: 5 min de leitura

Max Verstappen venceu seu primeiro título da Fórmula 1, derrotando Lewis Hamilton, o maior vencedor da categoria de todos os tempos, no Grande Prêmio de Abu Dhabi, neste domingo 12, em uma disputa apoteótica.

Houve de tudo: a consistência de Hamilton, a tentativa de Verstappen de reduzir a vantagem do piloto inglês depois da segunda parada, uma batida que mudou tudo. E uma disputa mano a mano na última volta, com direito a ultrapassagem.

Emoção volta a volta

O holandês, da equipe Red Bull, saiu na pole position, mas logo foi ultrapassado por Hamilton, da Mercedes, que foi ganhando vantagem. Com 13 voltas, o inglês já tinha cinco segundos de diferença à frente.

A vantagem caiu depois que Hamilton e Verstappen fizeram a primeira parada nos boxes para troca de pneus, com a ajuda de Sergio Pérez, companheiro de equipe do holandês. Mas o inglês conseguiu ampliar a vantagem.

Depois que Verstappen parou pela segunda vez, começou a diminuir a diferença em relação a Hamilton, volta a volta, para delírio e apreensão dos torcedores, de acordo com a nacionalidade. Mas o inglês foi administrando a liderança. Parecia que levaria, com algum aperto, mas sem maiores dificuldades.

Faltando quatro voltas para o final, tudo mudou. Nicholas Lafiti bateu e o safety car foi acionado. A última volta foi então liberada, Hamilton e Verstappen saíram juntos. E entao Verstappen, com pneus novos, venceu. No fim, ele só precisou liderar uma volta para se sagrar campeão.

Antes da prova Verstappen era cotado entre os próprios pilotos como favorito. O site oficial da Fórmula 1 fez uma enquete com 11 pilotos que não estavam na disputado do título. Cinco deles apontaram Verstappen como favorito. Outros cinco não quiseram emitir opinião ou se mostraram indecisos.

Apenas o inglês George Russelll, da Williams, apostou em Hamilton, que será seu parceiro de equipe no ano que vem.

Disputa mais acirrada em meio século

Foi a final mais acirrada dos últimos 47 anos da Fórmula 1. Ou seria de todos os tempos? Hamilton e Verstappen iniciaram a corrida empatados com 369,5 pontos. A única vez que isso havia acontecido foi em 1974, há quase meio século, quando Emerson Fittipaldi e Clay Regazzoni chegaram empatados em pontos no GP dos Estados Unidos.

Na ocasião, Fittipaldi levou a melhor e saiu do circuito como bicampeão mundial. Desta vez, Hamilton, um fã declarado do brasileiro Ayrton Senna, foi o vencedor.

Até hoje de manhã, Hamilton exibia a fantástica marca de maior número de vitórias (103), pole positions (103) e pódios (181). Com 287 GPs disputados, havia vencido 35,89% de todas as provas que disputou na categoria, à frente das maiores lendas da categoria.

Em Abu Dhabi, Verstappen foi melhor nos treinos classificatórios. Mas por muito pouco. A ponta foi decidida por apenas 0s371. Se houvesse uma colisão e os dois tivessem saído da prova, a vantagem seria do holandês, que tinha uma vitória a mais a temporada.

A decisão da prova aconteceu por uma estratégia de pneus. Verstappen optou por pneus macios, mais velozes, porém menos resistentes. Hamilton correu com pneus médios, com maior tempo de duração.

Rivalidade histórica

A rivalidade entre Hamilton e Verstappen foi a sensação da temporada e promete ser um trunfo para o sucesso da categoria nos próximos anos, como apontamos em reportagem na edição de novembro.

A diferença é que Hamilton já conquistou seu espaço no hall dos maiores. Já Verstappen é o piloto jovem disposto a destronar o atual rei – como Hamilton fez com Alonso, Alonso fez com Schumacher, Senna fez com Prost, Prost com Lauda, e assim por diante.

Com estilos parecidos na pista e em diferente fora delas, Hamilton e Verstappen atraem milhões de fãs pelo mundo e levaram a categoria a altos índices de audiência ao redor do mundo.

Quem diria que, depois de um 2020 onde correu o sério risco de deixar de ter um campeonato (o tradicional GP de Mônaco inclusive foi cancelado), o esporte veria em 2021 o início de uma nova era de ouro e com duas estrelas de estilo tão parecido nas pistas e tão diferente fora delas - Lewis é conhecido pelo ativismo e foi o único piloto a usar máscara no pódio depois da conquista em Abu Dabhi, Verstappen é mais bon vivant. Que venha 2022.

 

De 1 a 5, qual sua experiência de leitura na exame?
Sendo 1 a nota mais baixa e 5 a nota mais alta.

Seu feedback é muito importante para construir uma EXAME cada vez melhor.

Veja Também

Corretora cripto chinesa é a nova patrocinadora da McLaren na Fórmula 1
Future of Money
Há uma semana • 3 min de leitura

Corretora cripto chinesa é a nova patrocinadora da McLaren na Fórmula 1

TAG Heuer apresenta Formula 1 Senna Special Edition 2022
Casual
Há 2 semanas • 4 min de leitura

TAG Heuer apresenta Formula 1 Senna Special Edition 2022