A casa de papelão que revoluciona a arquitetura tradicional

Batizada de Wikkelhouse, a moradia pode ser 100% reciclada após o uso

Roterdã -- A Wikkelhouse, do estúdio Fiction Factory de Amsterdã, é uma casa fabricada de papelão e de maneira sustentável que conseguiu dar um giro na arquitetura tradicional e revolucionou o setor da construção tanto em nível familiar quanto profissional.

Um processo de design e elaboração ao qual este grupo de arquitetos holandês se dedicou por "quatro anos até conseguir a construção como é hoje", explicou à Agencia Efe Monique Wijnands, integrante da Fiction Factory.

A ideia de realizar este imóvel, que tem uma vida útil de pelo menos 50 anos e que respeita até três vezes mais o meio ambiente do que qualquer construção tradicional, surgiu de uma caixa de tomates.

"Ao invés de usar as caixas para transportar frutas ou verduras, a empresa holandesa Rene Snel inventou um molde para envolvê-las, usando como base várias camadas de papelão que permitiram aumentar a solidez da caixa, e disso surgiu a ideia de construir uma casa só de papelão", contou Monique.

O sistema de construção patenteado, que consiste em um total de 24 camadas de fibra virgem de papelão, obtidas de árvores escandinavas, sobre um molde em forma de casa, recebe o nome de Wikkelhouse, do verbo holandês "wikkelen", que significa envolver.

As diferentes camadas aderem entre si com um cola sustentável, criando assim uma estrutura resistente e isolante. A construção é finalizada com uma carcaça externa de madeira e alumínio que a protege de qualquer fenômeno meteorológico.

"Todos os materiais utilizados na Wikkelhouse são reciclados e respeitam o meio ambiente. Além disso, a produção de papelão necessária tem menos impacto no planeta do que a elaboração do cimento", destacou Monique.

A casa tem ainda outra grande vantagem: pode ser 100% reciclada após o uso.

Com uma estrutura flexível, esta construção de cinco metros quadrados, permite a opção de ampliá-la unindo vários módulos uns aos outros e adaptá-la conforme as necessidades do usuário.

Dessa forma, ela pode ser uma casa para moradia permanente, um escritório de uma empresa ou um espaço portátil para eventos, feiras e festas. Além disso, conta com uma fachada de vidro que permite que fique totalmente fechada.

A Wikkelhouse de três segmentos, por exemplo, custa 25 mil euros (cerca de R$ 95 mil) e pode ser erguida em um só dia. Por enquanto, a casa está disponível apenas na Holanda, Bélgica, Luxemburgo, França, Alemanha, Dinamarca e no Reino Unido, porque "os segmentos de papelão são produzidos em Amsterdã, na oficina da Fiction Factory, e de lá são enviadas ao local solicitado", esclareceu a arquiteta.

"Queremos manter um alto nível de qualidade e estar perto dos compradores e monitorar as casas cuidadosamente durante os primeiros anos é essencial. Por esse motivo, decidimos dosar o alcance deste novo conceito e nos concentrarmos em uma área próxima à Holanda", afirmou.

No entanto, existem sim planos para expandir os trabalhos. "Queremos ampliar este território e permitir que a casa esteja disponível em muitos outros países", adiantou.

De fato, o número de pedidos foi maior que esperavam. "Por enquanto, só fizemos cinco casas, mas já vendemos 11 e as que faltam serão feitas e entregues ainda neste ano", disse Monique, lembrando que o grupo se propôs a construir, no máximo, 12 imóveis por ano para garantir a qualidade.

A Fiction Factory nasceu em 1989 como um estúdio de interiores e cenografia. De lá para cá, veio evoluindo até se transformar em um estúdio de arquitetura inovador que conseguiu revolucionar o mundo da construção.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.