Um conteúdo Bússola

Varejo digital cresce 20,1% no primeiro semestre de 2023, aponta Linx

Segundo empresa, compras online com retirada em loja cresceram 37%

O cartão de crédito aparece como responsável por 49% das compras realizadas no primeiro semestre de 2023 (filo/Getty Images)
O cartão de crédito aparece como responsável por 49% das compras realizadas no primeiro semestre de 2023 (filo/Getty Images)
Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 27 de julho de 2023 às 18h00.

As vendas no varejo digital cresceram 20,1% no primeiro semestre de 2023, quando comparadas com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Linx, empresa do grupo StoneCo. e especialista em tecnologia para o varejo. Um dos destaques foi a busca por retirada em lojas, com aumento de 37% em média no período, chegando a 32% de representatividade.

Meios de pagamento

Na hora de pagar, o cartão de crédito segue sendo o meio de pagamento mais utilizado, representando 49% das compras realizadas nos 6 primeiros meses do ano.  O cartão de débito aparece em segundo lugar, seguido pelo QR Code/Pix e por outras formas de pagamento, como boleto bancário e vouchers. Apesar da menor representatividade, vale destacar que os pagamentos digitais, como PIX, cresceram 354% em relação ao primeiro semestre de 2022.

Análise

Para Tiago Mello, CMO e CPO da Linx, o balanço deste primeiro semestre mostra que as lojas que investem na digitalização tiveram uma melhor performance especialmente investimentos em omnichannel que integram os estoques das lojas físicas dentro do e-commerce “O omnichannel é uma das principais alavancas que o varejo possui neste momento, pois inclui a equipe de vendas da loja física dentro do e-commerce, reduz o custo de frete e aumenta a taxa de conversão do varejista, já que os sites possuem mais variedade para vender. Segundo dados da nossa base, durante o Dia das Mães, uma das datas mais importantes para o setor, as vendas em comércios omnichannel cresceram 13% em relação a 2022, totalizando 26% dos pedidos”. Tiago também explica que os comerciantes que adotaram esse tipo de estratégia observaram um crescimento no ticket médio na primeira metade do ano, tanto em lojas físicas (19%), digitais (25%) ou omnichannel (15%).

Datas comemorativas

Carnaval, Dia das Mães e Dia dos Namorados, participaram ativamente no crescimento desses resultados. Durante a folia em março, as transações via Pix cresceram 202%. Já na comemoração do Dia dos Namorados, houve um aumento de 117% no faturamento e 52% na quantidade de pedidos (frente a uma segunda-feira comum) na mesma base comparativa.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Braza Bank lidera ranking de bancos exclusivos de câmbio do Brasil

Leo Madeiras celebra 80 anos com projeção de movimentar R$ 4 bi em vendas

O futuro do e-commerce e da jornada phygital

Mais de Bússola

Análise do Alon: um esboço de (começo de) autópsia

Como a inteligência artificial está transformando as corretoras de seguros

Roku, agregadora de serviços de streaming, quer se consolidar no Brasil fazendo parceria com PPPs

Bússola Cultural: Museu da Língua Portuguesa exibirá filmes ao ar livre 

Mais na Exame