SP fica no topo de ranking de desenvolvimento turístico

O Índice de Competitividade do Turismo Nacional alcançou a marca de 59,5 pontos em 2014, em uma escala que vai de zero a cem

Brasília - O Índice de Competitividade do Turismo Nacional alcançou a marca de 59,5 pontos em 2014, em uma escala que vai de zero a cem. É a nota mais alta desde o início da série, em 2008.

Esses números foram divulgados nesta terça-feira pelo Ministério do Turismo e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em estudo executado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

As capitais apresentaram média de 68,2 pontos e os demais municípios, média de 53,4 pontos. A cidade de São Paulo ficou no topo do ranking de desenvolvimento turístico. O Ministério do Turismo avalia que o resultado mostra que o setor "avança em competitividade".

O índice mede a evolução de 65 destinos considerados indutores do turismo brasileiro, com o propósito de desenvolver o setor e destacá-lo como atividade econômica essencial ao desenvolvimento do País.

O estudo avaliou a evolução dos destinos em 13 aspectos que compõem a atividade turística: infraestrutura geral, qualidade de acesso, serviços e equipamentos turísticos, atrativos, marketing e a promoção do turismo, políticas públicas, cooperação regional, monitoramento, economia local, capacidade empresarial, aspectos sociais, ambientais e culturais.

As dez cidades com o melhor nível de desenvolvimento turístico foram a capital paulista (82,5 pontos), Porto Alegre (80), Belo Horizonte (78,5), Rio de Janeiro (78,5), Curitiba (77,9), Foz do Iguaçu (76,9), Recife (76), Brasília (75,2), Salvador (75) e Florianópolis (74,2).

A classificação leva em consideração a evolução de destinos turísticos e as boas práticas do setor.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também