Receita apreende 272 kg de cocaína em piso de contêiner no Porto de Santos

A droga estava oculta em uma carga de 46 toneladas de suco de laranja congelado que tinha como destino final o porto de Roterdã, na Holanda

Equipes da Alfândega do Porto de Santos localizaram 272 kg de cocaína em carga de exportação com destino à Europa. A droga estava oculta em uma carga de 46 toneladas de suco de laranja congelado cujo destino final seria o porto de Roterdã, na Holanda. O suco estava acondicionado em tambores distribuídos em dois contêineres refrigerados.

Esta apreensão ocorre um dia após a localização de 1.425 kg de cocaína ocultos em uma carga de fígado de frango congelado, cujo destino final seria o porto de Valência, na Espanha.

Diferentemente de outras ações, desta vez, a droga não estava escondida no meio da carga, mas no piso de um dos contêineres.

Após a inspeção, inclusive com a utilização de cães de faro, foi aberta uma ‘janela’ no piso para confirmação. Foi necessária a utilização de pés de cabra, serras e até de uma empilhadeira para a retirada do piso. Ao final, foram encontrados os 272 kg da droga.

A droga interceptada foi entregue à Delegacia de Polícia Federal de Santos, que prosseguirá com as investigações a partir das informações fornecidas pela Receita.

Esta foi a 30ª ação da Alfândega de Santos que resultou em apreensão de drogas em 2019. Ao todo, já foram localizadas 13,8 toneladas de cocaína este ano.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.