A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Câmara vai votar PEC do voto impresso nesta terça, diz líder do governo

A PEC foi rejeitada na última semana em comissão especial da Câmara por 23 votos a 11, mas Lira fechou acordo com Bolsonaro para levar o texto ao plenário, em troca de o presidente aceitar o resultado

O líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (PP-PR), confirmou que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso será analisada pelo plenário da Casa na terça-feira.

A possibilidade de votação da PEC nesta semana já havia sido levantada mais cedo pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), que se reúne na tarde desta segunda-feira com lideranças da Casa para discutir o tema.

"Sim, amanhã em plenário", disse Barros à Reuters quando perguntado sobre a data de votação da PEC.

Segundo duas fontes ouvidas pela Reuters, a intenção de Lira, ao tentar votar a proposta, é dar ao plenário a última palavra sobre o tema e "enterrar" de vez o assunto.

O deputado, de fato, defendeu mais cedo que o resultado da votação seja acatado e respeitado pelos demais Poderes. Também adiantou que a PEC deve ser derrotada, uma vez que a maioria dos partidos políticos se opõe à proposta.

A PEC foi rejeitada na última semana em comissão especial da Câmara por 23 votos a 11, mas Lira fechou acordo com Bolsonaro --um ferrenho defensor da medida-- para levar o texto ao plenário, em troca de o presidente aceitar o resultado.

Como se trata de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), para a mudança ser aprovada precisa do apoio de 308 dos 513 deputados em dois turnos de votação e depois, também em duas rodadas, os votos de 49 dos 81 senadores.

Toda semana tem um novo episódio do podcast EXAME Política. Disponível abaixo ou nas plataformas de áudio Spotify, Deezer, Google Podcasts e Apple Podcasts

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também