Brasil negocia compra de vacina da Pfizer, diz porta-voz da empresa

Vacina da farmacêutica multinacional passa por testes clínicos avançados no Brasil

O governo do presidente Jair Bolsonaro mantém negociações com a Pfizer no Brasil para comprar a vacina experimental contra a Covid-19 da farmacêutica e incluí-la no Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, disse um porta-voz da Pfizer.

O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor

A vacina passa por testes clínico em estágio avançado no Brasil com 3.100 voluntários nos Estados de São Paulo e da Bahia e seria importada das fábricas da Pfizer nos Estados Unidos e na Europa, disse o porta-voz sem dar mais detalhes.

Nesta segunda, a Pfizer anunciou que sua candidata a vacina mostrou ter eficácia superior a 90%, com base em dados iniciais dos ensaios clínicos em estágio avançado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.