Brasil

Sul tem alerta de geada e temperaturas voltam a subir no Sudeste nesta terça-feira; veja previsão

Para o Norte, Inmet lançou um alerta de chuvas intensas, que devem se concentrar em Roraima e Amazonas

Frio: baixas temperaturas podem ajudar na perda de gordura.  (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Frio: baixas temperaturas podem ajudar na perda de gordura. (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 2 de julho de 2024 às 06h53.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alertou para novas geadas em boa parte do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além de uma pequena porção do sul do Paraná. Apesar do frio na região Sul, as temperaturas voltam a subir no Sudeste, com o enfraquecimento da massa de ar polar que passou pelo país neste fim de semana.

Para o Norte, o instituto emitiu um alerta de chuvas intensas para esta terça-feira, que deverão se concentrar em boa parte do estado de Roraima e nas regiões norte e sudoeste do Amazonas. Em Manaus, a máxima é de 33°C e mínima de 25°C.

Apesar da volta do calor para boa parte do Centro-Sul do Brasil, a amplitude térmica deve prevalecer. Ou seja, são esperadas grandes mudanças de temperatura para a maioria dos estados do país.

Centro-Oeste

Na segunda-feira, 1°, o Inmet emitiu um alerta de Perigo Potencial para Baixa Umidade no Centro-Oeste. A umidade relativa do ar variou entre 30% e 20%, das 11h às 18h, com baixo risco de incêndios florestais e à saúde.

Apesar da queda do alerta nesta terça-feira, 2, o instituto não prevê melhora no quadro de baixa umidade na região. Ao longo da semana, a média deve permanecer por volta dos 30%, especialmente em Brasília, Tocantins e Mato Grosso.

A previsão é de céu claro com névoa seca para a maior parte dos três estados. A amplitude térmica também será significativa, com mínimas de 11ºC e máximas de 28ºC, em Brasília.

Nordeste

A mesma baixa na umidade que atinge o Centro-Oeste também deve alcançar alguns estados nordestinos. Bahia, Pernambuco, Ceará, Piauí e Maranhão também registraram porcentagens abaixo da média nesta segunda-feira. O que deve permanecer durante a terça-feira.

O clima na região permanecerá majoritariamente nublado, com pancadas de chuva isoladas no litoral. As máximas devem passar dos 30°C na maioria dos estados.

Sudeste

Segundo Andrea Ramos, meteorologista do Inmet, a passagem de uma frente fria, com uma massa de ar fria polar na retaguarda, foi a responsável pela queda brusca de temperatura na região. No entanto, o clima deve mudar já nesta terça-feira, e se estabilizando na quarta-feira, com a volta do calor.

"O aumento se dá porque a massa de ar frio polar perde a sua influência, ela fica na retaguarda da frente e à medida que ela vai perdendo a força, vai tendo esse gradual aumento das temperaturas", explicou a especialista.

Nesta terça-feira, as temperaturas no Rio de Janeiro devem ficar entre 20°C e 34°C. Na quarta-feira, o quadro segue semelhante, com tendência de alta. Os dias devem ser de céu com muitas nuvens, mas sem previsão de chuva até o momento. Em São Paulo, os termômetros devem marcar entre 12°C e 25°C na terça-feira. Já amanhã, as temperaturas ficam entre 14°C e 27°C.

De acordo com ela, a dissipação desta massa fria e a interrupção das chuvas, devolve ao inverno suas características típicas: o clima seco, com uma grande amplitude térmica — com manhãs mais amenas e tardes mais quentes —, e estiagem. Com a mudança climática, o tempo ficará instável até terça-feira.

"Voltam as condições típicas da estação, com uma massa de ar seco que começa a atuar proporcionando essa condição de tempo e enfraquecendo a massa de ar polar", finalizou.

O norte de Minas Gerais também deve sofrer com a baixa umidade nos próximos dias.

Norte

No Norte, o Tocantins e o sul do Pará também seguem sendo atingidos pela baixa umidade. Os estados terão tempo nublado a parcialmente nublado, mas sem previsão de chuva, com máxima por volta dos 33ºC. Rondônia e a maioria do Acre também devem esperar calor, tempo seco e sem previsão de chuva.

Já no Amazonas, Roraima, Amapá e o norte do Pará devem se preparar para fortes pancadas de chuva nesta terça-feira. O Inmet emitiu um alerta de perigo potencial para precipitação forte no extremo oeste da região. Apesar da chuva, as temperaturas se mantém altas, com máximas também por volta dos 33ºC.

Sul

O Inmet emitiu um alerta de Perigo para a permanência da onda de frio que já atinge os três estados. Além disso, o órgão também confirma risco de Perigo Potencial para geadas em toda a região sul.

As temperaturas seguem muito baixas, com mínimas previstas de 8°C no Rio Grande do Sul, 11°C em Santa Catarina e 7°C no Paraná. A máxima média dos estados não deve passar dos 20°C.

 

Acompanhe tudo sobre:ClimaSulSudesteCentro-OesteRegião NordesteRegião Norte

Mais de Brasil

Sabesp está livre para ser a maior plataforma de saneamento do mundo, diz Tarcísio após privatização

Aeroportos, portos, energia e água: Servidores anunciam greve geral; entenda

'Prioridade é acelerar investimentos e universalizar até 2029': Natália Resende analisa nova Sabesp

União Europeia doa 20 milhões de euros ao Fundo Amazônia

Mais na Exame