Alckmin pega covid e participará por vídeo de lançamento da chapa com Lula

Alckmin, que vai concorrer como vice de Lula, avisou à cúpula petista do diagnóstico, segundo o deputado José Guimarães (PT-CE)
 (Alexandre Schneider/Getty Images)
(Alexandre Schneider/Getty Images)
Por Estadão ConteúdoPublicado em 06/05/2022 14:13 | Última atualização em 06/05/2022 14:25Tempo de Leitura: 1 min de leitura

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSB) testou positivo para covid-19 nesta sexta-feira, 6, um dia antes do lançamento da chapa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao Palácio do Planalto.

Alckmin, que vai concorrer como vice de Lula, avisou à cúpula petista do diagnóstico, segundo o deputado José Guimarães (PT-CE). O comitê da campanha decidiu manter o ato político neste sábado, 7, em São Paulo, e o ex-governador deve participar de forma virtual.

Nesta quarta-feira, 4, Alckmin se reuniu com o ex-ministro Aloizio Mercadante para discutir o programa de governo de sua chapa com Lula. O encontro ocorreu na Fundação Perseu Abramo, em São Paulo. Na reunião, Mercadante pediu indicações de nomes técnicos para debater o programa de governo e sugestões ao ex-governador, que defendeu a necessidade de se construir um "pacto republicano" no País.

Alckmin falou também do agronegócio. Parte do setor rejeita Lula e prefere o presidente Jair Bolsonaro (PL), mas o ex-governador tem tentado reduzir essa resistência ao petista no setor rural.

LEIA TAMBÉM: 

Marina Silva defende Lula após protesto bolsonarista contra o petista