EXAME Agro

Apoio:

Logo TIM__313x500

Agro paulista cresce 12,8% nos primeiros cinco meses de 2024

Estado atingiu superávit de US$ 9,42 bilhões no período

Publicado em 12 de junho de 2024 às 18h18.

Última atualização em 12 de junho de 2024 às 18h31.

As exportações do agronegócio de São Paulo aumentaram 12,8% nos primeiros cinco meses de 2024, alcançando US$ 11,76 bilhões. No mesmo período, as importações cresceram 7,3%, totalizando US$ 2,34 bilhões – o desempenho resultou em um superávit comercial de US$ 9,42 bilhões, um aumento de 14,2% em relação ao mesmo período de 2023. Os dados foram divulgados com exclusividade para a EXAME Agro pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo nesta quarta-feira, 12.

“O agro de São Paulo mais uma vez mostra sua força, impulsionado pelos setores sucroalcooleiro e cafeeiro. A cana e o café são a força motriz dos campos paulistas e a expertise dessas duas cadeias produtivas tem contribuído fortemente para a economia agrícola do Estado”, afirmou Guilherme Piai, secretário da pasta.

O levantamento, realizado pelo coordenador da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), Carlos Nabil Ghobril, e pelos pesquisadores José Alberto Ângelo e Marli Dias Mascarenhas Oliveira, do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA), vinculado à Secretaria, revela que as exportações do agronegócio paulista representaram 42,5% do total exportado pelo estado, enquanto as importações setoriais foram de 7,8%.

Exportações totais

As exportações de todos os setores da economia paulista registraram um aumento de 0,2% nos primeiros cinco meses de 2024 em comparação com o mesmo período de 2023. No mesmo intervalo, as importações diminuíram 0,8%.

A dinâmica resultou em uma significativa redução do déficit comercial do estado. O saldo da balança comercial paulista apresentou uma queda de 11,8% no déficit, refletindo uma melhora nas condições de comércio exterior da região.

Acompanhe tudo sobre:AgronegócioExame-AgroExportações

Mais de EXAME Agro

Safra 2024/25: produção de soja brasileira deve atingir 169 milhões de toneladas, estima USDA

Exportações do agro paulista crescem 8,9% no primeiro semestre e seguram balança comercial de SP

Mais na Exame