Yahoo faz parceria com Esporte Interativo e reforça conteúdo

A parceria é a segunda do tipo fechada pelo Yahoo no mundo depois do acerto com a Eurosport na Europa quatro anos atrás e deve impulsionar com vendas de publicidade

São Paulo - O Yahoo Brasil lança nesta semana uma parceria com a empresa de conteúdo Esporte Interativo de olho em assumir em um ano a vice-liderança em mídia digital esportiva no país antes da Copa do Mundo de 2014.

Pela parceria, o Yahoo Brasil vai unir todas as suas iniciativas de conteúdo esportivo, incluindo ofertas para dispositivos móveis, à produção online do Esporte Interativo em um único portal que substituirá as páginas de esporte de ambas as empresas na Web.

A parceria é a segunda do tipo fechada pelo Yahoo no mundo depois do acerto com a Eurosport na Europa quatro anos atrás e deve impulsionar a receita com vendas de publicidade das empresas a taxas "bem maiores que 10 por cento", afirmou o presidente do Yahoo Brasil, André Izay.

"Nossa primeira missão é ser o segundo (portal de conteúdo esportivo). Com a parceria, dará para brigarmos para sermos o vice-líder rápido, em um ano", afirmou Izay à Reuters.

Segundo dados da empresa de medição ComScore citados pelo Yahoo Brasil, o site do Globo Esporte, das organizações Globo, teve cerca de 22 milhões de visitantes únicos em agosto e foi seguido pelas páginas esportivas dos portais UOL (9,5 milhões), Terra (9,4 milhões), MSN (5,5 milhões) e Yahoo (4,1 milhões).

Pelas contas de Izay e do presidente do Esporte Interativo, Edgar Diniz, as páginas esportivas das duas empresas combinadas recebem cerca 5 milhões de visitantes únicos mensais.

O Esporte Interativo detém direitos de transmissão de mais de 700 eventos ao vivo por ano e foi fundado em 1999 por um grupo de empresários brasileiros. A empresa tem equipe de produção de conteúdo formada por 150 profissionais no país.

A companhia tem entre os acionistas o BNDESPar, braço de participações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), e afirma ter o canal de esportes no YouTube mais visto do Brasil. O canal do Esporte Interativo na televisão aberta não será envolvido na parceria, disse Diniz.

Evitando fazer comentários sobre investimentos, Izay afirmou que a parceria complementa com conteúdo premium a área esportiva do Yahoo Brasil. Além disso, o acordo dá acesso ao Esporte Interativo à infraestrutura de desenvolvimento de páginas do Yahoo, que tem brigado com novos entrantes no mercado brasileiro, como o Facebook, pelo tempo que o usuário passa online.


Junto com a parceria, o Yahoo Brasil começa nesta semana a vender a anunciantes o projeto de cobertura da Copa do Mundo de 2014 em parceria com o Esporte Interativo, com cotas avaliadas em milhões de reais, disse Izay, sem informar valores específicos ou como as empresas dividirão receitas.

Segundo ele, o Yahoo Brasil tem crescido em termos de audiência e receita "em patamares bem maiores que o mercado".

O crescimento tem se seguido à estratégia do Yahoo no mundo, que há dois anos integrou plataformas tecnológicas, o que deu agilidade a equipes locais da companhia para desenvolver produtos editorais.

"Nos últimos dois anos crescemos em esportes, agora estamos no segundo momento, de trazer conteúdo mais rico. E futebol é a prioridade", disse Izay.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também