Vendas de tablets crescem 21% no primeiro semestre, diz IDC

Entre janeiro e junho de 2014, 4,2 milhões de tablets foram vendidos no Brasil

	Tablets: brasileiros compraram quase 2 milhões de tablets entre abril e junho
 (Sean Gallup/Getty Images)
Tablets: brasileiros compraram quase 2 milhões de tablets entre abril e junho (Sean Gallup/Getty Images)
S
Saulo Pereira GuimarãesPublicado em 22/09/2014 às 13:13.

São Paulo - A venda de tablets no Brasil entre janeiro e junho de 2014 cresceu 21% em relação ao mesmo período do ano passado. O dado é consultoria IDC.

De acordo com a empresa, foram vendidos no país 4,2 milhões de tablets no primeiro semestre de 2014. No mesmo período do ano passado, 3,4 milhões de gadgets desse tipo haviam sido comercializados no Brasil.

Só entre abril e junho, os brasileiros compraram quase 2 milhões de gadgets. Embora esse número represente um aumento de 1% em relação à mesma época de 2013, ele indica uma queda de 12% nas vendas em relação ao primeiro trimestre do ano.

“O foco do varejo em TVs e smartphones no período que antecedeu a Copa do Mundo teve um impacto negativo nas vendas de tablets no segundo trimestre”, afirmou em nota divulgada à imprensa Pedro Hage, analista de mercado da IDC Brasil.

Segundo ele, a venda de tablets deve aumentar no segundo semestre em função de datas como Dia das Crianças e Natal. Até o fim do ano, ele espera que 10 milhões de tablets sejam vendidos no Brasil - número que seria quase 20% maior do que o contabilizado em 2013.