Tecnologia

Primeiro robô 2 em 1 da Samsung no Brasil aspira pó e passa pano

Quando o usuário usa a opção de limpeza pelo smartphone, ele pode controlar uma faxina daquelas mesmo fora de casa; confira o preço

Samsung: robô dois em um aspira pó e passa pano (Samsung/Reprodução)

Samsung: robô dois em um aspira pó e passa pano (Samsung/Reprodução)

Tamires Vitorio

Tamires Vitorio

Publicado em 10 de outubro de 2020 às 13h07.

Última atualização em 10 de outubro de 2020 às 13h09.

A sul-coreana Samsung anunciou o primeiro robô dois em um da marca no Brasil. O dispositivo conseguirá aspirar diversas superfícies e também passar pano na casa --- sendo que a segunda função é algo inédito para a fabricante que já possuía robôs aspiradores.

Segundo a empresa, o POWERbot-E VR5000 pode ser controlado pelo smartphone do usuário ou por um controle remoto que já vem com o produto, e possui sistema de "navegação inteligente para desviar de obstáculos e evitar quedas", com a ajuda do Smart Sensing, sistema composto por vários sensores que otimizam o robô. Quando o usuário usa a opção de limpeza pelo smartphone, ele pode controlar uma faxina daquelas mesmo fora de casa.

Robô pode ser controlado pelo smartphone (Samsung/Reprodução)

A aspiração acontece com "alta potência" de sucção, da mesma forma que os outros aspiradores da marca funcionam, mas o robô finaliza a limpeza com a ajuda de um pano úmido. Enquanto as escovas puxam o pó, o pano limpa a superfície com a liberação de água.

O objeto tem 8,5 centímetros de altura e, de acordo com a Samsung, consegue acessar os lugares mais difíceis da casa e "realizar a limpeza completa até mesmo embaixo de sofás, camas e poltronas".

As vendas já começaram e o produto custa 2.969,10 reais na loja oficial da Samsung.

Acompanhe tudo sobre:Eletrodomésticosempresas-de-tecnologiaSamsungSmartphones

Mais de Tecnologia

Meta abre dados do Instagram para estudo do impacto na saúde mental de adolescentes

O que é o Prime Day? Nos EUA, ele deve movimentar US$ 14 bilhões

Elon Musk decide transferir sedes da SpaceX e X para o Texas

81% da Geração Z no Brasil deixa de usar apps por preocupações com privacidade, diz pesquisa

Mais na Exame