Tecnologia

Comércio eletrônico deve vender R$750 milhões no Dia das Mães

O setor deve reportar faturamento de 750 milhões de reais entre 24 de abril e 8 de maio deste ano, contra 625 milhões de reais obtidos no mesmo período do ano passado

Segundo o e-bit, a maior competitividade no setor, buscando atrair novos consumidores para a Internet, deve ditar o crescimento (Sxc.hu)

Segundo o e-bit, a maior competitividade no setor, buscando atrair novos consumidores para a Internet, deve ditar o crescimento (Sxc.hu)

DR

Da Redação

Publicado em 25 de abril de 2011 às 19h41.

SÃO PAULO (Reuters) - As empresas brasileiras de comércio eletrônico devem faturar 20 por cento a mais em 2011 no Dia das Mães em relação ao mesmo período de 2010, com a competitividade no setor impulsionando o consumo, de acordo com projeção da consultoria e-bit divulgada nesta segunda-feira.

O setor deve reportar faturamento de 750 milhões de reais entre 24 de abril e 8 de maio deste ano, contra 625 milhões de reais obtidos no mesmo período do ano passado, disse a consultoria.

Segundo o e-bit, a maior competitividade no setor, buscando atrair novos consumidores para a Internet, deve ditar o crescimento. No fim de 2010, 23 milhões de pessoas já haviam feito ao menos uma compra online, ante 17,6 milhões em 2009.

A consultoria, que inicialmente esperava crescimento de 30 por cento no faturamento no período, reviu para baixo sua projeção após as vendas se mostrarem fortes no ano passado, impulsionadas pela comercialização de televisores de tela plana ocasionada pela Copa do Mundo durante as mesmas datas.

Acompanhe tudo sobre:e-commerceInternetServiços online

Mais de Tecnologia

Motorola Moto G24 vale a pena? Veja preço, detalhes e ficha técnica

Samsung Galaxy A54 é bom? Veja preço, detalhes e ficha técnica

Samsung Galaxy M35 vale a pena? Veja preço, detalhes e ficha técnica

Samsung Galaxy S23 FE vale a pena? Veja preço, detalhes e ficha técnica

Mais na Exame