Tecnologia

Amazon vende duas vezes mais livros digitais que impressos

"Isto é notável, se levarmos em conta que estivemos vendendo livros impressos de capa dura e livros de bolso há 15 anos", disse o vice-presidente

Amazon anunciou em julho que a venda de livros eletrônicos para o Kindle havia superado a venda de livros de capa dura (Divulgação/Amazon.com)

Amazon anunciou em julho que a venda de livros eletrônicos para o Kindle havia superado a venda de livros de capa dura (Divulgação/Amazon.com)

DR

Da Redação

Publicado em 25 de outubro de 2010 às 21h22.

Washington - O gigante das vendas pela internet Amazon informou nesta segunda-feira que vende o dobro de livros digitais em comparação aos impressos, no caso dos 10 primeiros best-sellers.

"Os livros do Kindle - o leitor de livros digitais da Amazon - também são mais vendidos que os livros impressos, em relação aos 25, 100 e mil livros mais vendidos", disse Steve Kessel, vice-presidente da Amazon Kindle.

"Isto é notável, se levarmos em conta que estivemos vendendo livros impressos de capa dura e livros de bolso há 15 anos, enquanto (vendemos) livros eletrônicos do Kindle há apenas 36 meses", disse Kessel em um comunicado.

A Amazon anunciou em julho que a venda de livros eletrônicos para o Kindle havia superado a venda de livros de capa dura.

Segundo Kessel, "no caso dos 10 primeiros best-sellers da Amazon.com, os clientes estão escolhendo livros do Kindle em vez de livros de capa dura, assim como os de bolso, e em proporção maior que dois para um".

Acompanhe tudo sobre:AmazonComércioE-readersEmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetlojas-onlineTabletsTendências

Mais de Tecnologia

O que é o Prime Day? Nos EUA, ele deve movimentar US$ 14 bilhões

Elon Musk decide transferir sedes da SpaceX e X para o Texas

81% da Geração Z no Brasil deixa de usar apps por preocupações com privacidade, diz pesquisa

O que é a Wiz, empresa que pode ser comprada por R$ 124 bilhões pelo Google

Mais na Exame