Pop

Expulsão de Guimê e Sapato no BBB: programa expôs a vítima por audiência?

Eliminação por assédio mostra mudança na produção, mas exposição da vítima gera críticas

Participantes acolhem Dania após eliminação de Guimê e Sapato: mulheres se solidarizam com mexicana dentro e fora da casa (Globo / Gshow/Reprodução)

Participantes acolhem Dania após eliminação de Guimê e Sapato: mulheres se solidarizam com mexicana dentro e fora da casa (Globo / Gshow/Reprodução)

Publicado em 17 de março de 2023 às 12h32.

Nove eliminações, duas expulsões e uma desistência depois, o BBB 23 chega ao Top 10 de uma maneira nunca antes vista no programa. A saída de MC Guimê e Antônio "Cara de Sapato" indica que as decisões da produção não são mais as mesmas do que as feitas em 2020, por exemplo, quando o público teve de eliminar Pyong Lee e Petrix Barbosa mesmo após acusações de assédio incendiarem as redes sociais.

Desta vez, a direção do programa não esperou o Paredão chegar: os dois jogadores do Quarto Deserto tiveram de dizer adeus ao programa de forma totalmente inesperada e ainda durante o ao vivo, também por conta de assédio. Eles foram vistos tentando tocar e beijar a intercambista Dania Mendez, do reality mexicano "La Casa de Los Famosos", sem pedir por consentimento.

Por que a Globo está recebendo críticas?

Enquanto muitos enxergam o anúncio feito por Tadeu Schmidt como a punição correta, outros tantos acreditam que a pessoa que mais saiu prejudicada foi a própria vítima. Muitas mulheres foram as redes sociais após o discurso de Tadeu para simpatizar com a reação de Dania. No momento, é possível ver que ela começa a dizer para Sapato que "não disse nada", como se precisasse se defender do crime cometido contra ela.

"Muito dolorido ver a moça desse jeito. Mas ao mesmo tempo, o impacto que causou nela na hora e a culpa que ela sentiu é algo que pelo menos pra mim doeu demais", disse a comentarista do WebTVBrasileira, Tati, em vídeo. "Teria alguma outra maneira de fazer isso? Algo que poupasse a moça? Ela precisava ser exposta, constrangida e se sentir culpada? Teria alguma outra maneira que a Globo poderia ter feito para que ela não recebesse essa carga?"

Na visão de Mau Faccio, apresentador do podcast "Mau Acompanhado" do Jovem Nerd, a Globo "acertou, mas errando". "[A Globo] Foi certeira em expulsar os participantes. A maneira como Sapato e Guimê se comportaram merecia uma resposta à altura do quão inaceitável foi o que fizeram", disse.

Ao mesmo tempo, é a primeira vez que o BBB elimina participantes por assédio sexual (diferente de casos de abuso, que já levaram a expulsão). Na edição de 2020, por exemplo, Pyong Lee e Petrix Barbosa foram acusados e não foram expulsos. Em ambos os casos, as vítimas foram questionadas no Confessionário e não mostraram desconforto com a situação. Nada além disso foi feito.

Outro fator é que tudo ocorreu durante o ao vivo do programa. "Foi a primeira vez, em 23 anos de programa, que as expulsões aconteceram ao vivo e ficou nítido no ar a sensação de que a emissora não estava preparada para isso", comentou o apresentador e fã do programa.

Por que MC Guimê foi eliminado do BBB?

Vídeos de MC Guimê passando a mão nas costas e nádegas de Dania viralizaram nas redes sociais durante a Festa do Líder de quarta-feira, 15. A palavra "assédio" rapidamente foi para os assuntos mais comentados do Twitter.

No vídeo, é possível ver a mexicana claramente incomodada com o toque de Guimê. Em um momento, ela pega a mão dele e tira de perto.

Outro participante que foi acusado de assédio durante a festa de ontem foi Cara de Sapato. O aniversariante da noite bebeu pela primeira vez no programa e foi visto diversas vezes tentando puxar Dania Mendez para um beijo.

Em um momento, a produção teve de alertar o jogador de MMA para que ele parasse com o contato físico. Avisos como esse vêm sendo adotados pela produção para  impedir que situações como essa se escalem.

Motivo da expulsão é crime?

Popularmente chamamos de assédio toda forma de abuso físico ou psicológico cometido contra outra pessoa (na maioria das vezes uma mulher).

Obviamente, qualquer conduta sem consentimento é inadequada e criminosa. Não se avança sobre o corpo de outra pessoa sem a sua autorização. Não se encosta em outra pessoa sem autorização.

O encostar ou passar a mão é enquadrado como crime de importunação sexual, com pena de reclusão de 1 a 5 anos. Há um detalhe a ser observado: estar embriagado não exime ninguém da responsabilidade pelo crime.Em outras palavras, alegar embriaguez não tira a responsabilidade pelo crime e nem o fato de estar em uma festa.

Também é importante ressaltar que esse tipo de conduta, infelizmente, ocorre diariamente sobretudo contra mulheres, submetidas a um nível de violência inaceitável e que requer providências imediatas. Fechar os olhos para condutas consideradas “menores” somente perpetua tais atitudes.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro instaurou um inquérito para investigar os acontecimentos envolvendo os três participantes.

Como Dania reagiu?

A mexicana que passa uns dias na casa do BBB teve a chance de conversar no Confessionário com a responsável da produção pela sua estadia. Na primeira conversa, feita na manhã de ontem, 16, Dania Mendez respondeu perguntas sobre o que ela lembrava da festa e se ela teria ficado desconfortável em qualquer momento. A mexicana respondeu que não, e resumiu o comportamento de todos em "muita bebida".

Depois da expulsão, a hermana teve outra conversa com a produção e revelou que havia percebido, sim, os toques de Guimê, mas não queria comentar.  "Não quero que Guimê tenha problemas com sua família e esposa. Me sinto mal por eles, porque são pessoas boas", disse.

A produção reafirma que a decisão não foi influenciada pelas falas de Dania. O apresentador Tadeu Schmidt também voltou no ao vivo após a expulsão para garantir o mesmo, o que também foi considerado como insensível por uma parte do público.

https://twitter.com/cfdaniamendez/status/1636582086512369664

Como os patrocinadores reagiram?

Após os acontecimentos, marcas patrocinadoras do programa se pronunciaram sobre o ocorrido, repudiando a postura de MC Guimê e Cara de Sapato.

Em nota publicada nas redes sociais, o Mercado Livre, um dos maiores patrocinadores do programa, repudiou as atitudes dos brothers em um post com a mensagem "chega de assédio".

O também varejista Carrefour publicou uma nota afirmando que todas as relações devem ser baseadas no respeito e no consentimento. A Coca-Cola não chegou a mencionar o termo assédio, mas também publicou uma nota reforçando a necessidade de respeito nas relações.

Vale lembrar que a edição deste ano conta com um número recorde de patrocínio. Ao todo, 12 marcas estão presentes no programa, diferentes tipos de ações.

Acompanhe tudo sobre:BBBBig Brother Brasil

Mais de Pop

House of the Dragon: veja quando saem os episódios da 2ª temporada da série

Sony Music adquire catálogo do Queen por 1 bilhão de euros; entenda a transação

Lua 'paralisada'? Descubra o que é o lunistício, fenômeno raro que acontece neste fim de semana

Com a greve em Hollywood, os filmes nacionais ganharam mais espaço, diz diretor da Ingresso.com

Mais na Exame