Abilio Diniz manda recado para administração endividada do São Paulo

Em participação no Flow Podcast, o bilionário são-paulino disse que está ciente da dívida de 600 milhões de reais do clube, mas não pensa em contribuir para tirá-lo das dívidas
Abilio Diniz: bilionário não pensa em ajudar o São Paulo a sair das dívidas (Leandro Fonseca/Exame)
Abilio Diniz: bilionário não pensa em ajudar o São Paulo a sair das dívidas (Leandro Fonseca/Exame)
Por Da RedaçãoPublicado em 24/09/2021 14:01 | Última atualização em 24/09/2021 14:06Tempo de Leitura: 2 min de leitura

"Não ponho dinheiro no São Paulo, de jeito nenhum", afirmou o bilionário Abílio Diniz durante sua participação no Flow Podcast na noite de ontem.

O são-paulino sabe da dívida do clube, mas não pensa em ajudá-lo a sair dessa situação. No total, o clube deve cerca de 600 milhões de reais. Só a dívida do São Paulo com o jogador Daniel Alves atingiu 18 milhões de reais neste mês. Vale notar que Diniz tem fortuna estimada de 2,6 bilhões de dólares (13,8 bilhões de reais, em conversão direta), de acordo com a revista Forbes.

"O São Paulo é uma empresa, foi muito bem tocado durante anos, tinha dinheiro para tudo. Por que de repente descambou e está sem dinheiro? O São Paulo tem que voltar a ser profissional. Hoje existem leis para fazer clube-empresas, como é na Europa. Eu defendo isso. Agora ficar pensando no que fazer, eu admiro os empresários que fazem isso, não é o caminho que escolhi", afirmou Diniz durante o podcast.

Diniz lembrou que ajudou a eleger o Julio Casares, presidente do São Paulo, no final do ano passado. O bilionário brincou dizendo que gostaria de escalar o time, mas que isso não o deixariam fazer.

Abilio Diniz foi o convidado de estreia do podcast EXAME IN, onde falou sobre seus negócios. Veja abaixo a entrevista completa com o bilionário.