• AALR3 R$ 20,15 -0.74
  • AAPL34 R$ 67,35 -0.01
  • ABCB4 R$ 16,54 -0.66
  • ABEV3 R$ 14,00 -0.92
  • AERI3 R$ 3,57 -1.11
  • AESB3 R$ 10,86 2.26
  • AGRO3 R$ 30,93 -0.58
  • ALPA4 R$ 21,43 2.88
  • ALSO3 R$ 19,02 0.05
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.77
  • AMAR3 R$ 2,52 5.00
  • AMBP3 R$ 31,00 2.31
  • AMER3 R$ 21,89 -4.33
  • AMZO34 R$ 65,21 2.26
  • ANIM3 R$ 5,47 2.05
  • ARZZ3 R$ 79,20 -0.75
  • ASAI3 R$ 15,65 -1.57
  • AZUL4 R$ 20,07 -3.00
  • B3SA3 R$ 11,89 -1.08
  • BBAS3 R$ 37,43 -0.98
  • AALR3 R$ 20,15 -0.74
  • AAPL34 R$ 67,35 -0.01
  • ABCB4 R$ 16,54 -0.66
  • ABEV3 R$ 14,00 -0.92
  • AERI3 R$ 3,57 -1.11
  • AESB3 R$ 10,86 2.26
  • AGRO3 R$ 30,93 -0.58
  • ALPA4 R$ 21,43 2.88
  • ALSO3 R$ 19,02 0.05
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.77
  • AMAR3 R$ 2,52 5.00
  • AMBP3 R$ 31,00 2.31
  • AMER3 R$ 21,89 -4.33
  • AMZO34 R$ 65,21 2.26
  • ANIM3 R$ 5,47 2.05
  • ARZZ3 R$ 79,20 -0.75
  • ASAI3 R$ 15,65 -1.57
  • AZUL4 R$ 20,07 -3.00
  • B3SA3 R$ 11,89 -1.08
  • BBAS3 R$ 37,43 -0.98
Abra sua conta no BTG

Tinder dos veganos: Veggly recebe aporte e quer unir casais contra a carne

A Veggly foi fundada em 2018 para permitir conexões entre pessoas veganas e vegetarianas; startup captou R$ 1,5 mi
Veggly: "Tinder dos veganos" capta R$ 1,5 milhão (Getty Images/Getty Images)
Veggly: "Tinder dos veganos" capta R$ 1,5 milhão (Getty Images/Getty Images)
Por Maria Clara DiasPublicado em 16/04/2022 10:00 | Última atualização em 18/04/2022 17:58Tempo de Leitura: 3 min de leitura

O empreendedor Alex Felipelli nunca se deu bem com aplicativos de relacionamento. Ele não conseguia criar filtros que pudessem selecionar apenas pessoas com uma característica em comum: os hábitos alimentares. Felipelli é vegano, ou seja, não come carne ou qualquer produto de origem animal. O resultado? Nenhum "macth" sequer. Inspirado em seu desafio pessoal ele fundou a Veggly, um aplicativo de relacionamento aos moldes do Tinder, que conecta veganos em busca de novos relacionamentos.

Criada em 2018 nos Estados Unidos, a Veggly já tem 600.000 usuários pelo mundo, com forte presença em países como Alemanha e Reino Unido. O aplicativo também ganhou uma versão em português, impulsionando o Brasil como o segundo principal mercado da Veggly em número de usuários.

"É uma questão de estilo de vida e crenças. Então para quem busca um relacionamento de longo prazo, faz sentido buscar alguém com valores similares aos seus”, diz Felipelli, fundador da startup.

No embalo das práticas ESG (sigla para ambiental, social e governança) e da redução do consumo de carne como reflexo direto de uma preocupação com a saúde de um público com novos hábitos de consumo, este é um mercado com muitas oportunidades de crescimento. Segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), os produtos naturais já movimentam R$ 55 bilhões por ano, e o mercado vegano tem crescido 40% ano a ano.

Na outra ponta, há uma ascensão no número de downloads de aplicativos de relacionamento deve apoiar o bom momento da startup. De acordo com a Veggly, com base em dados da plataforma de inteligência de mercado Statista, esse tipo de negócio deve movimentar US$ 81 milhões no Brasil em 2022. ‘“É uma tendência muito forte. E agora que sabemos que as pessoas de fato buscam essas referências sociais em suas conexões, só temos a crescer”, diz.

De olho nesse ritmo de crescimento, a startup acaba de captar 1,5 milhão de reais com o grupo carioca de inovação e investimentos Sai do Papel, que investe e acelera startups, e com o fundo canadense Loyal VC

"Quando se tem uma equipe fantástica, com fundadores que entendem pessoalmente a dor que o negócio soluciona e, de quebra, ainda está em um mercado de alto crescimento, o potencial de retorno é imenso", diz Carlos Junior, fundador e CEO do Grupo Sai do Papel.

O investimento será usado para encerrar um ciclo de contratações já em andamento. O time de seis funcionários agora tem mais de 15 -- e o número deve aumentar A ideia é também investir em melhorias tecnológicas na plataforma, como recursos que previnam fraude e reconhecimento de identidade dos usuários e que também melhorem a experiência dos veganos no app.