Bebê Store adquire a Baby.com.br

Especializada em e-commerce de produtos infantis, a Bebê Store também anunciou uma nova rodada de investimento

	Juliana Della Nina e Leonardo Simão, da Bebê Store
 (Germano Lüders/EXAME)
Juliana Della Nina e Leonardo Simão, da Bebê Store (Germano Lüders/EXAME)
C
Camila LamPublicado em 24/07/2014 às 16:58.

São Paulo – A loja online de itens para bebês e crianças Bebê Store anunciou a aquisição da Baby.com.br, sua principal concorrente. De acordo com a assessoria, a negociação se deu ao longo dos últimos meses e foi concluída na última segunda-feira. O valor da compra não foi divulgado.

Além disso, a empresa acaba de receber a terceira rodada de investimento de 500 mil dólares da Catalyst, fundo de investimento da Endeavor.

Fundada em 2009, pelos empreendedores Leonardo Simão e Juliana Della Nina, a Bebê Store faz parte do grupo BB Box. Além desta marca, o grupo controla as lojas Toy Store, Mommy Store e Kids Store.

A Baby.com.br foi fundada em 2011, pelos norte-americanos Davis Smith e Kimball Spencer-Thomas.

Em comunicado, Simão, CEO e fundador da marca, disse que a decisão da fusão veio da sinergia entre os negócios. “Vamos trazer para os consumidores da Baby a mesma qualidade de atendimento que temos entregue aos clientes da Bebê Store e continuar fazendo parte de todo ciclo de vida das crianças, desde os primeiros passos até a adolescência, com produtos e serviços que facilitam a vida das mães”, disse.

 Ainda de acordo com o comunicado, a Dinda, outra loja que operava a Baby, não foi inclusa na aquisição e continua suas operações. 

Com a aquisição, a empresa passa a oferecer mais de 55 mil itens para bebês e crianças. Em março do ano passado, a Bebê Store recebeu um aporte de 30 milhões de reais dos fundos de investimento W7 Venture Capital e Atomico. Em 2013, a empresa registrou um crescimento anual de 137% no faturamento.