Telefônica abre PDV para 1 mil funcionários, diz sindicato

Redução de pessoal ocorrerá em um momento em que companhia está cortando custos com infraestrutura

São Paulo - A Telefônica Brasil abriu um programa de demissão voluntária (PDV) nesta semana para reduzir seu quadro de pessoal em cerca de 1 mil funcionários no Brasil, informou um sindicato nesta quarta-feira.

A companhia --que tem operações em telefonia fixa, celular, banda larga e TV por assinatura-- abriu o programa para interessados em vários Estados do país, disse o Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações no Estado de São Paulo.

Procurada, a empresa não comentou o assunto de imediato.

As ações preferenciais da Telefônica Brasil, que opera sob a marca Vivo, exibiam alta de 0,83 por cento às 10h30, enquanto o Ibovespa tinha valorização de 1,47 por cento.

A planejada redução de pessoal, se confirmada, ocorrerá em um momento em que a companhia está cortando custos com infraestrutura, com estratégia que inclui venda de torres de telecomunicações. Na terça-feira, a empresa anunciou acordo com a operadora Claro para um plano de compartilhamento de rede voltado à telefonia celular de quarta geração (4G).

No fim de fevereiro, a companhia divulgou que teve lucro de 1,474 bilhão de reais no quarto trimestre, resultado acima do esperado por analistas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.