Sharp venderá mais à Samsung para compensar queda da Apple

A fabricante japonesa de telas eletrônicas Sharp, fornecedora da Apple, vai tentar impulsionar as vendas à Samsung, principal rival da fabricante do iPhone

Tóquio - A fabricante japonesa de telas eletrônicas Sharp, fornecedora da Apple, vai tentar impulsionar as vendas à Samsung, principal rival da fabricante do iPhone, num plano de reabilitação para assegurar sua sobrevivência.

O plano, que será conhecido na terça-feira, dependerá ainda mais de bancos que, em 2012, salvaram a companhia da falência, uma vez que 200 bilhões de ienes (2 bilhões de dólares) em bônus conversíveis em ações vencem em setembro, disseram à Reuters três fontes próximas ao plano na semana passada.

A Sharp também vai divulgar resultados para o acumulado do ano, incluindo projeções para o ano que acaba em 31 de março, quando o lucro operacional deve atingir 52,9 bilhões de ienes, de acordo com a estimativa média de 13 analistas, segundo dados da Thomson Reuters I/B/E/S.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também