Ricos serão pressionados a transferir recursos para os pobres na COP26

Carlo Pereira, diretor executivo da Rede Brasil do Pacto Global da ONU, afirma que os países precisam aumentar as ambições e levar para a COP26 compromissos ampliados
Carlo Pereira, do Pacto Global: a responsabilidade é de todos. As nações precisam levar mais ambição para a COP26 e ampliar seus compromissos (Fellipe Abreu/Divulgação)
Carlo Pereira, do Pacto Global: a responsabilidade é de todos. As nações precisam levar mais ambição para a COP26 e ampliar seus compromissos (Fellipe Abreu/Divulgação)
R
Rodrigo CaetanoPublicado em 29/10/2021 às 11:18.

A problemática das emissões de gases de efeito estufa é decorrente de um processo histórico de industrialização, e não do contexto atual. Dessa forma, a responsabilidade dos países desenvolvidos é maior do que a dos países em desenvolvimento. A expectativa é que na COP26, a Conferência do Clima da ONU, que começa na próxima semana, a questão da transferência de recursos dos países ricos para os pobres, parte fundamental da transição para a economia de baixo carbono, seja resolvida.

Receba gratuitamente a newsletter da EXAME sobre ESG. Inscreva-se aqui:

“As expectativas estão bastante elevadas. Esperamos que se chegue a um acordo sobre o mercado de carbono e sobre a transferência de recursos dos ricos para os pobres”, afirma Carlo Pereira, diretor executivo da Rede Brasil do Pacto Global, que visitou a EXAME antes de embarcar para Glasgow, na Escócia, onde acontecerá a conferência. “Mas, a responsabilidade é de todos. As nações precisam levar mais ambição para a COP26 e ampliar seus compromissos.”

Assista a entrevista completa com Carlo Pereira no canal da EXAME:

Pereira ressalta que os compromissos feitos no âmbito do Acordo de Paris são insuficientes para garantir a principal meta do acordo, de manter o aumento da temperatura global abaixo de 2oC. “Com eles, a temperatura deve aumentar em 3oC, o que seria catastrófico”, diz ele. “Nos últimos anos, houve uma ampliação desses compromissos, o que nos coloca mais perto da meta, mas ainda é insuficiente.”

No Acordo de Paris, os países ricos se comprometeram a transferir 100 bilhões de dólares por ano para os países em desenvolvimento. A cifra, no entanto, é considerada baixa. “Há quem fale em 250 bilhões de dólares, mas há quem considere que esse valor é ainda maior”, ressalta Pereira.

COP26: cobertura completa e em tempo real | EXAME

A EXAME estará na Escócia para cobrir a COP 26 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas) e você pode ter acesso, em primeira mão, a todas as notícias sobre. Inscreva-se, grátis!