Rival da Uber, Lyft é avaliada em US$ 15 bilhões após investimento

A empresa informou que captou 600 milhões de dólares em uma nova rodada de financiamento liderada pela Fidelity Management

A Lyft informou nesta quarta-feira que captou 600 milhões de dólares em uma nova rodada de investimento liderada pela Fidelity Management, dobrando seu valor para 15,1 bilhões de dólares em pouco mais de um ano.

O investimento torna a Fidelity um dos maiores investidores na companhia norte-americana rival do Uber, com 800 milhões de dólares investidos. A Lyft, que tem uma fatia de 35% do mercado nos Estados Unidos, ainda tem entre os investidores a AllianceBernstein, a Baillie Gifford e a KKR.

Em maio, a Uber anunciou uma oferta secundária de ações para funcionários e investidores existentes que colocaria o valor da companhia em 62 bilhões de dólares, ante 48 bilhões em uma oferta secundária realizada no fim do ano passado.

A Lyft opera em quase o mesmo número de cidades norte-americanas que o Uber, assim como em Toronto, no Canadá.

A Uber opera em todo o mundo, apesar de retrocessos no Sudeste Asiático, na Rússia e China, depois de perder bilhões de dólares competindo com rivais locais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.