Lupatech adere ao PERT, com débitos de R$ 105 milhões

A adesão exige o pagamento, em espécie, de R$ 4,7 milhões, dos quais ainda serão desembolsados aproximadamente R$ 1,2 milhão
Lupatech: a empresa está em recuperação judicial (Germano Lüders/EXAME/Exame)
Lupatech: a empresa está em recuperação judicial (Germano Lüders/EXAME/Exame)
M
Márcio Rodrigues, do Estadão ConteúdoPublicado em 17/11/2017 às 16:31.

São Paulo - A Lupatech, empresa em recuperação judicial, informou que aderiu ao Programa Especial de Regularização Tributária (PERT) e que, assim, foram reorganizados débitos do grupo no montante aproximado de R$ 105 milhões relacionados a contingências e obrigações fiscais.

A adesão, feita em 14 de novembro e comunicada nesta sexta-feira, 17, em fato relevante, exige o pagamento, em espécie, de R$ 4,7 milhões, dos quais ainda serão desembolsados aproximadamente R$ 1,2 milhão.

Para a liquidação do restante, serão utilizados R$ 42 milhões em prejuízos fiscais acumulados do Grupo e mais R$ 18 milhões de prejuízos fiscais de sociedades investidas e coobrigados tributários, em conformidade com as condições do PERT.

O programa gera um benefício direto ao Grupo Lupatech com descontos em juros, multas e encargos que totaliza R$ 41 milhões, "além de representar mais um importante passo da Companhia em seu processo de reestruturação".