Cade aprova compra da rede Cor Brasil pela GP Investiments

A GP Investments vai utilizar recursos do fundo de US$1,1 bilhão GPCP V para pagar a aquisição

São Paulo - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, o acordo entre a GP Investments, maior empresa latino-americana de private equity, e rede de salões de beleza Cor Brasil, segundo despacho publicado no Diário Oficial da União nesta segunda-feira.

No início deste mês, a GP Investiments havia anunciado a compra de 33 por cento de participação na empresa de serviços de estética, também conhecida como Beleza Natural, por 70 milhões de reais, num momento em que o aumento do padrão de vida no país aumenta a demanda por serviços relacionados à beleza.

A GP Investments, cujo investimento anterior no setor estava alocado na empresa de consumo Hypermarcas, vai utilizar recursos do fundo de 1,1 bilhão de dólares GPCP V para pagar a aquisição.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.