A página inicial está de cara nova Experimentar close button

BNP Paribas tem queda no lucro no 4º trimestre de 2012

O lucro do banco francês recuou para 514 milhões de euros, de 765 milhões de euros um ano antes

Paris - O BNP Paribas teve queda de 33% no lucro líquido no quarto trimestre do ano passado, para 514 milhões de euros, de 765 milhões de euros um ano antes.

O resultado ficou abaixo da previsão dos analistas, de 969 milhões de euros. A receita do banco francês recuou 3%, para 9,40 bilhões de euros, de 9,69 bilhões de euros, na mesma comparação.

O lucro da empresa foi prejudicado por uma despesa contábil de 286 milhões de euros relacionada à dívida e por uma baixa contábil de 298 milhões de euros na divisão italiana BNL. No fim de dezembro, a proporção de capital Tier 1, de acordo com as regras de Basileia 3, estava em 9,9%. O banco propôs dividendo de 1,50 euro por ação.

Junto com o balanço trimestral, o BNP Paribas informou que planeja fazer cortes de custos em todo o mundo e se expandir na região Ásia-Pacífico. O banco pretende gastar 1,5 bilhão de euros (US$ 2,02 bilhões) durante os próximos três anos para reduzir os custos gerais anuais em 2 bilhões de euros até 2015.

Adicionalmente, o maior banco listado em bolsa da França em capitalização de mercado pretende ampliar seu banco de investimento e corporativo e seus negócios na Ásia-Pacífico como parte de um plano estratégico que vai detalhar futuramente. Às 7h55 (de Brasília), as ações do BNP subiam 3,06% em Paris, em reação os planos.

O BNP afirma que com isso terá receita anual combinada de mais de 3 bilhões de euros até 2016, acima de 2 bilhões de euros em 2012. O banco vai contratar 1,3 mil pessoas nos próximos três anos para esses negócios, que atualmente empregam 8 mil pessoas. As informações são da Dow Jones.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também