Produção industrial cresce em novembro no Reino Unido

Na comparação com outubro, alta foi de 0,4%, mas, em relação a novembro de 2009, subiu 3,3%

Londres - A produção industrial no Reino Unido cresceu 0,4% em novembro, depois de cair 0,1% em outubro, informou hoje o Escritório Nacional de Estatísticas. Os números incluem a atividade manufatureira, a indústria extrativa, de energia, gás e água. Em relação a novembro de 2009, a produção industrial avançou 3,3% em novembro do ano passado.

Os dados de outubro foram revisados em alta a partir da queda originalmente informada de 0,2%, em bases mensais. Na comparação anual, a alta foi de 3,5%, ante o aumento de 3,3% previsto anteriormente. Economistas previam uma alta de 0,6 da produção industrial em novembro ante outubro e de 3,3% em relação a novembro de 2009.

Isoladamente, a produção do setor de manufatura do Reino Unido cresceu 0,6% em novembro em comparação com outubro e 5,6% em bases anuais. Em outubro, houve alta de 0,6% em relação ao mês anterior e de 5,8% ante igual período de 2009. Os números vieram levemente acima das projeções dos economistas, que esperavam alta de 0,5% na comparação mensal e de 5,4% em termos anuais.

Essa expansão levemente mais forte que o esperado sugere que o setor de manufaturas ajudou a sustentar o crescimento econômico do país no quarto trimestre do ano passado, de acordo com o Escritório Nacional de Estatísticas.

Nos três meses até novembro, a produção manufatureira avançou 1,2% em relação ao mesmo período de 2009, informou o escritório. A produção industrial aumentou 0,8% nos três meses até outubro em comparação com o trimestre anterior. As informações são da Dow Jones.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.