Papa se solidariza com famílias de vítimas na Espanha

Segundo porta-voz do Vaticano, pontífice se uniu à dor das famílias das vítimas do acidente com um trem em Santiago de Compostela

Rio de Janeiro - O papa Francisco se uniu nesta quarta-feira à dor das famílias das vítimas do acidente com um trem em Santiago de Compostela, no noroeste da Espanha, informou o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi.

O acidente provocou a morte de pelo menos 60 pessoas e deixou outras 110 feridas. O trem, que cobria a linha Madri-Ferrol, tinha 220 passageiros.

Francisco foi informado sobre a tragédia e expressou sua solidariedade, afirmou Lombardi, que pediu aos jornalistas credenciados para a 28ª Jornada Mundial da Juventude, realizada no Rio de Janeiro, um minuto de silêncio pelas vítimas.

O pontífice reza pelas vítimas, acrescentou Lombardi, que disse que o acidente ocorreu na vigília da festividade do apóstolo Santiago, padroeiro da cidade espanhola, e que possivelmente entre os mortos haja algum peregrino que ia para Compostela. EFE

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.