Olha só a engenhoca que os franceses criaram contra o xixi na rua

Uma solução diferente para amenizar os efeitos desagradáveis da falta de decoro alheio

São Paulo - Quem nunca sofreu ao andar pelas ruas e sentir como se estivesse dentro de um grande banheiro mal lavado? Buscando amenizar os efeitos desagradáveis da falta de decoro alheio, os franceses criaram uma solução ecológica — um urinol florido très élégant!

A engenhoca é composta por um grande recipiente vermelho com uma abertura no meio para o alívio de necessidades urgentes. Até aí, nada diferente de um urinol convencional, não fosse o fato de haver em seu interior um leito de materiais secos, como palha e serragem, que servirá de composto na produção de plantas ornamentais.

Para completar, o urinol possui um jardim florido no topo, o que o eleva a um novo patamar, já que também contribui para o paisagismo local. Além de tornar o xixi em público mais "civilizado", o projeto também é eco-amigável.

Como funciona o urinol francês Uritrottoir -

- (/)

A empresa Faltazi Nantes instalou dois mictórios perto da Gare de Lyon, em Paris, um com capacidade para até 600 xixis (cerca de 240 litros) e outro para 250 xixis. Outros dois estão em teste na cidade de Nice.

Quando as caixas estiverem cheias, um sensor avisa remotamente a empresa que está na hora da troca, o que pode ocorrer a cada 15 dias (no caso do maior) segundo estimativa dos criadores.

[vimeo 195266307 w=640 h=360]

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.