Kremlin considera "absurda" a ameaça de sanções

"Claramente é uma farsa", declarou o porta-voz do porta-voz do presidente russo Vladimir Putin sobre ameaça de sanções contra fortuna pessoal do chefe de Estado

O porta-voz do presidente russo Vladimir Putin, Dmitri Peskov, chamou de "absurda" a ameaça, citada pelo jornal britânico The Times, de sanções americanas contra os "bilhões" da fortuna pessoal que o chefe de Estado teria na Suíça.

Segundo a notícia publicada na sexta-feira pelo jornal britânico, o governo dos Estados Unidos planejaria sanções diretamente contra Putin com o bloqueio dos "40 bilhões de dólares" que o presidente russo teria em bancos suíços graças às participações na Gazprom e em outros grupos de combustíveis.

"Claramente é uma farsa. É absurdo", declarou o porta-voz de Putin à rádio Echo de Moscou.

"Só podemos rir de sanções tão absurdas", completou.

O jornal britânico, que citou uma fonte governamental americana anônima, afirma que os Estados Unidos poderiam solicitar a cooperação da Suíça para identificar os investimentos realizados por meio de testas-de-ferro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.