Ibama concede licença ambiental a Repsol para novo bloco

Empresa hispânico-chinesa ganhou permissão para extrair petróleo no bloco marítimo BM-C-33, que contém grandes reservas de petróleo no Oceano Atlântico

Rio de Janeiro - O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) expediu nesta sexta-feira sua permissão à empresa hispânico-chinesa Repsol Sinopec para extrair petróleo no bloco marítimo BM-C-33, que contém grandes reservas de petróleo no Oceano Atlântico.

A licença ambiental está condicionada a que a companhia cumpra os requisitos previstos no contrato, entre eles a proibição de queimar resíduos ao ar livre ou a perfuração de corais ou algas, segundo um comunicado do Ibama.

O bloco BM-C-33, em águas profundas da Bacia de Campos, contém reservas estimadas de mais de 700 milhões de barris de petróleo e três trilhões de pés cúbicos (tcf) de gás, equivalentes a 545 milhões de barris de petróleo.

A Repsol Sinopec opera estas concessões com 35% de participação e conta com Statoil (35%) e Petrobras (30%) como sócias.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.