Hollande insiste que França é capaz de sediar Jogos de 2024

"O mundo inteiro está ameaçado pelo terrorismo, nenhum país, nenhuma região, nenhuma cidade pode pensar que está a salvo", destacou

	Hollande: "o mundo inteiro está ameaçado pelo terrorismo, nenhum país, nenhuma região, nenhuma cidade pode pensar que está a salvo", destacou
 (Benoit Tessier / Reuters)
Hollande: "o mundo inteiro está ameaçado pelo terrorismo, nenhum país, nenhuma região, nenhuma cidade pode pensar que está a salvo", destacou (Benoit Tessier / Reuters)
D
Da RedaçãoPublicado em 05/08/2016 às 16:58.

Faltando um ano para a escolha da sede dos Jogos Olímpicos de 2024, que tem Paris entre as candidatas, o presidente francês, François Hollande, destacou nesta sexta-feira, no Rio, a capacidade de seu país de organizar grandes eventos, apesar da ameaça terrorista.

Após se reunir com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, o presidente francês, em seu segundo e último dia de visita ao Brasil, deu declarações cercado, entre outros, do atual campeão olímpico de judô e porta-bandeira da delegação francesa, Teddy Riner, e de Tony Estanguet, membro do COI e presidente da candidatura de Paris-2024.

"Alguns ataques nos puseram à prova, impedimos outros. Soubemos nos proteger melhor e proteger os grandes eventos, como a Eurocopa" de futebol, declarou o presidente, insistindo em que a França "adquiriu uma experiência que muitos outros ainda não têm".

"Para vencer, é preciso estar juntos e unidos", acrescentou.

"O mundo inteiro está ameaçado pelo terrorismo, nenhum país, nenhuma região, nenhuma cidade pode pensar que está a salvo", destacou Hollande.

Hollande, que chegou na quinta-feira ao Rio, acompanhado da prefeita de Paris, Anne Hidalgo, e do ministro dos Esportes, Patrick Kanner, pediu "conselhos" ao presidente do COI.

"Queremos os Jogos Olímpicos e os Paralímpicos, mas, ao mesmo tempo, o olimpismo também deve nos dizer o que espera de Paris", explicou, sem revelar os conselhos dados por Bach "para não comprometer" a candidatura de Paris.

O COI escolherá a cidade-sede dos Jogos Olímpicos de Verão de 2014 em setembro de 2017 em uma reunião, em Lima, entre quatro candidatas: Budapeste, Los Angeles, Paris e Roma.