A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

“Gangnam Style” vira aliado da política sul-coreana

Governo mantém um programa para levar a “marca” da Coreia do Sul para o mundo e hit do cantor PSY acabou ajudando o projeto

São Paulo – Após virar sucesso com seu vídeo na internet, a música Gangnam Style, do cantor PSY, não para de tocar nem nas rádios de música pop brasileiras. O sucesso de um hit seria algo convencional, não fosse por um detalhe: a música é de um cantor sul-coreano.

A explosão do clipe e da música acabou ajudando a política da Coreia do Sul, conforme apontou o Financial Times em reportagem. A publicação lembra que o presidente Lee Myung-bak, desde que assumiu o país em 2008, mantém esforços para que a Coreia do Sul tenha um poder de influência mundial adequado ao tamanho de sua economia.

O hit Gangnam Style não estava nos planos, mas se mostrou muito útil, muito importante para esse projeto, como declarou ao jornal Ma Young-sam, embaixador do Ministério das Relações Exteriores do país.

Além da publicidade política, o astro pop também pode ajudar a economia do país. Ma Young-sam falou que conforme estrangeiros começam a prestar atenção no cantor, desenvolvem também um gosto maior pela Coreia e a expectativa é que fiquem mais propensos a comprar produtos sul-coreanos.

Confira o vídeo que virou hit na internet:

https://youtube.com/watch?v=9bZkp7q19f0%3Frel%3D0

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também