Dinamarca e Noruega se oferecem para tirar armas da Síria

Governos da Dinamarca e da Noruega apresentaram oferta conjunta para transportar para fora da Síria o arsenal químico deste país

Copenhague - Os governos da Dinamarca e da Noruega apresentaram nesta sexta-feira uma oferta conjunta para transportar para fora da Síria o arsenal químico deste país, em apoio à missão da ONU e da Organização para a Proibição das Armas Químicas (OPAQ).

A operação conjunta, dirigida pela Dinamarca, incluirá fragatas e embarcações de carga especializadas dos dois países nórdicos, segundo um comunicado conjunto.

A Dinamarca se comprometeu a proporcionar proteção e transporte aéreo para que as armas possam ser destruídas.

A proposta está subordinada à aprovação dos parlamentos dinamarquês e norueguês.

De acordo com a moção enviada hoje ao Folketing (parlamento dinamarquês) pelo ministro das Relações Exteriores interino, Rasmus Helveg, a contribuição de Copenhague seria de 300 soldados, vários navios e um avião Hércules.

No comunicado, Dinamarca e Noruega convidam outros países- membros da ONU a contribuírem à missão.

De acordo com o plano aprovado no último dia 15 pela comunidade internacional, as substâncias químicas consideradas prioritárias devem sair da Síria antes do fim do ano e serem eliminadas no mais tardar em março de 2014.

Os Estados Unidos destruirão em uma embarcação de sua Marinha as substâncias consideradas mais perigosas, enquanto a eliminação do resto dos produtos tóxicos será feita por empresas privadas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.