Congresso do México aprova uso medicinal da maconha

O país é duramente golpeado pela violência do narcotráfico. A nova lei foi aprovada por 371 votos a favor

A Câmara de Deputados do México aprovou nesta sexta-feira um ditame que permite o uso medicinal e científico da maconha, assim como a sua produção e distribuição para estes fins, em um país duramente golpeado pela violência do narcotráfico.

A nova lei, que já tinha recebido luz verde do Senado em dezembro, foi aprovada "por 371 votos a favor, sete contra e 11 abstenções", e foi enviada ao Executivo para sua promulgação e publicação no Diário Oficial da Federação, indicou a Câmara de Deputados em um comunicado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.