Boom econômico e populacional pode "secar" a Ásia

Estudo do MIT alerta que nos próximos 35 anos, 1 bilhão de pessoas a mais poderão enfrentar escassez de água no continente, em comparação aos dias de hoje

São Paulo - Em um mundo assombrado pelas mudanças climáticas, o forte crescimento econômico e populacional pode estimular ainda mais a ocorrência de graves crises de água em uma ampla faixa da Ásia no ano de 2050. O alerta vem de um estudo recém-publicado por cientistas do Massachusetts Institute of Technology (MIT).

O estudo utiliza modelagem detalhada para produzir o que os pesquisadores acreditam ser uma gama completa de cenários que envolvem a disponibilidade de água e de sua utilização no futuro.

No artigo, os cientistas concluem que há um "alto risco de estresse hídrico severo" em grande parte daquele continente, que é lar de cerca de metade da população mundial.

Por meio de simulações de cenários futuros, os pesquisadores estimam que os valores médios de crescimento projetado para os próximos 35 anos e a influência das mudanças climáticas atirariam 1 bilhão de pessoas a mais num cenário de escassez hídrica, em comparação aos dias de hoje.

O estudo ressalta que apesar da mudança climática ter reconhecidamente efeitos graves sobre o abastecimento de água em muitas partes do mundo, a expansão industrial e o crescimento da população podem agravar ainda maios os problemas de acesso à água.

"Não é apenas uma questão de mudança climática", diz Adam Schlosser, diretor sênior e pesquisador no Programa Conjunto do MIT de Ciência e Política da Mudança Global.

"Nós simplesmente não podemos ignorar que o crescimento econômico e populacional pode ter uma influência muito forte na nossa demanda por recursos e como gerenciá-los. E o clima, associado a isso, pode levar a aumentos substanciais dessas tensões", sublinha.

O estudo "Projeções do estresse hídrico com base em um conjunto de crescimento socioeconômico e cenários de alterações climáticas: um estudo de caso na Ásia" foi publicado na revista PLOS One. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.