Autoridades paraguaias confiscam 40 toneladas de maconha

A Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai confiscou 40 toneladas de maconha na reserva de Mbaracayù, uma reserva da Unesco

Assunção - A Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai (Senad) informou nesta sexta-feira que confiscou 40 toneladas de maconha na reserva de Mbaracayù, ao norte do país e parte de uma área declarada Reserva Mundial da Biosfera pela Unesco.

Durante a operação, de três dias de duração, também foram encontrados 24 acampamentos destinados ao abastecimento de maconha e foram destruídos 30 hectares de cultivo dessa droga.

Os agentes especiais da Senad encontraram no interior dos acampamentos 33.750 quilos de maconha picada e 6.000 quilos de maconha prensada,

Além disso, expropriaram 11 prensas artesanais e outras ferramentas para o cultivo e a produção de maconha.

A detecção dos acampamentos e dos cultivos foi possível graças a dois helicópteros das forças armadas que acostumam sobrevoar a reserva, localizada no departamento de Canindeyú, na fronteira com o Brasil.

Posteriormente, forças da Senad e um contingente militar chegaram ao local com caminhonetes.

O Paraguai é o principal produtor de maconha da América do Sul e o Brasil é o principal destino dessa droga.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também