Ação antiterrorista deixa 3 mortos no Egito

Policiais abriram fogo contra as três pessoas, com idades entre 26 e 37 anos, depois que estes atiraram na direção dos agentes que tentavam prendê-los

Cairo – Pelo menos três pessoas morreram nesta quinta-feira durante uma ação policial para deter terroristas na cidade de El Asher men Ramadan, 46 quilômetros ao nordeste do Cairo (Egito).

Segundo a agência oficial “Mena”, policiais abriram fogo contra as três pessoas, com idades entre 26 e 37 anos, depois que estes atiraram na direção dos agentes que tentavam prendê-los.

O trio era procurado por envolvimento na tentativa de assassinato, em meados de dezembro, do presidente interino da Universidade Zagazig.

Segundo a agência, os mortos, dois estudantes e um eletricista, pertencem a Irmandade Muçulmana e transformaram o apartamento onde moravam em um esconderijo para planejar os ataques.

Na ação, a polícia também apreendeu armas de fogo e munição.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.