Invest

S&P remove IRB Brasil (IRBR3) de 'CreditWatch' negativo

Nota de crédito foi mantida na escala brAAA; venda de ativos e emissão de R$ 1,2 foi necessária para manter nível de rating

Recepção no prédio da resseguradora IRB Brasil (IRB Brasil/Divulgação)

Recepção no prédio da resseguradora IRB Brasil (IRB Brasil/Divulgação)

GG

Guilherme Guilherme

Publicado em 16 de setembro de 2022 às 09h39.

Última atualização em 16 de setembro de 2022 às 09h39.

O IRB Brasil (IRBR3) foi retirado da lista de CreditWatch com implicações negativas da Standard & Poors, segundo comunicado divulgado pela empresa nesta sexta-feira, 16.

Ainda de acordo com o documento, a agência de classificação de risco reafirmou a nota de crédito do IRB e de suas debêntures sêniores unsecured em brAAA com perspectiva negativa.

A reafirmação nota de crédito, a mais alta para o mercado brasileiro, foi motivada por vendas de ativos não estratégicos, como de sua sede, e pelo follow-on em que a companhia levantou R$ 1,2 bilhão.

A oferta de ações foi realizada no início do mês para atender aos requisitos de capital mínimo exigidas pela Susep, a Superintendência de Seguros Privados. Cada ação foi emitida a R$ 1, provocando forte desvalorização no pregão seguinte.

Acompanhe tudo sobre:Agências de ratingIRBRatingStandard & Poor's

Mais de Invest

Renda variável x renda fixa: como escolher o que é melhor para mim?

“Continuamos acreditando que o governo vai fazer o certo”, diz CEO do Santander

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 65 milhões na poupança

Dividendo alto e valuation atrativo: 'essa é uma das melhores ações da bolsa', diz analista

Mais na Exame