Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Goldman sugere comprar ações na queda em meio a receio sobre Fed

Os números mais robustos do que o esperado de geração de emprego nos EUA fizeram o mercado de juros futuros recuar de apostas em boas chances de corte do Fed

Modo escuro

Continua após a publicidade
Goldman: se o mercado cair, será uma boa oportunidade para reequilibrar a carteira ou comprar na queda (Michael M. Santiago/Getty Images)

Goldman: se o mercado cair, será uma boa oportunidade para reequilibrar a carteira ou comprar na queda (Michael M. Santiago/Getty Images)

O forte avanço das ações americanas desde o final de outubro esfriou com dados que mostraram a força do mercado de trabalho dos Estados Unidos e diminuíram o otimismo sobre cortes de juros do Federal Reserve. Para Alexandra Wilson Elizondo, do braço de gestão do Goldman Sachs, isso pode ser uma oportunidade de compra se os papéis voltarem a cair.

Os números mais robustos do que o esperado de geração de emprego nos EUA em novembro fizeram o mercado de juros futuros americano recuar de apostas em boas chances de corte do Fed já em março. O ajuste para a possibilidade de que a autoridade monetária mantenha os juros altos por mais tempo pode enfraquecer mais a renda variável, depois de um salto de US$ 4 trilhões no valor das ações americanas nas últimas semanas.

Wilson-Elizondo, vice-diretora de investimentos na área de soluções multiativos da Goldman Sachs Asset Managemen, diz que qualquer retrocesso baseado nessa premissa seria um alarme falso temporário.

“Se o mercado cair, será uma boa oportunidade para reequilibrar a carteira ou comprar na queda”, disse ela em entrevista por telefone. “É muito cedo para diminuir a exposição ao prêmio de risco das ações.” A GSAM tem US$ 2,7 trilhões em ativos sob gestão.

Os economistas do Goldman Sachs esperam que o Fed comece a cortar juros no segundo semestre de 2024 e preveem crescimento com menos inflação, o que deverá dar sustentação aos mercados, especialmente ações de grandes empresas com valor de mercado alto, as large caps.

“Acreditamos no fator qualidade e as large caps tenderão a ter um desempenho superior neste tipo de ambiente e, apesar de já parecerem caras, acreditamos que há espaço para alta”, disse a gestora.

A GSAM não está atrás de ganhos com small caps porque esse segmento de empresas menores tende a apresentar desempenho inferior em estágios tardios do ciclo de juros, disse ela.

A empresa também está “cautelosamente construtiva” em relação à renda fixa no início de 2024 e espera que os investidores realoquem capital para a ponta longa da curva de juros. Ela espera que uma parte dos US$ 8 trilhões aplicados em fundos de alta liquidez migre para a “barriga da curva”.

Confira as últimas notícias de Invest:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Itaú (ITUB4) vai pagar R$ 11 bilhões em dividendos; veja quem tem direito

seloMercados

Itaú (ITUB4) vai pagar R$ 11 bilhões em dividendos; veja quem tem direito

Há 5 horas

Cielo tem lucro líquido de R$ 480,8 mi no 4º trimestre de 2023; queda de 1,9% em um ano

seloMercados

Cielo tem lucro líquido de R$ 480,8 mi no 4º trimestre de 2023; queda de 1,9% em um ano

Há 5 horas

Lucro do Itaú sobe 22,6% no 4º tri e alcança R$ 9,4 bilhões

seloMercados

Lucro do Itaú sobe 22,6% no 4º tri e alcança R$ 9,4 bilhões

Há 5 horas

Unipar troca CEO às vésperas de começar um dos maiores ciclos de investimentos de sua história

seloMercados

Unipar troca CEO às vésperas de começar um dos maiores ciclos de investimentos de sua história

Há 5 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Plano de expansão da rede de academias Allp Fit prevê 100 unidades em 2024

Plano de expansão da rede de academias Allp Fit prevê 100 unidades em 2024

Carnaval sem dor de cabeça: B.Boost lança shot antirressaca com foco nos foliões

Carnaval sem dor de cabeça: B.Boost lança shot antirressaca com foco nos foliões

5 motivos do porquê empresas devem incentivar a vacinação contra a covid-19

5 motivos do porquê empresas devem incentivar a vacinação contra a covid-19

Vibra atualiza o papel da empresa com renováveis aliados aos combustíveis líquidos

Vibra atualiza o papel da empresa com renováveis aliados aos combustíveis líquidos

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais