Future of Money

Standard Chartered diz que outras criptomoedas podem ganhar ETFs, mas não em 2024

Analista do banco britânico acredita que SEC pode aprovar fundos de outras criptos, como da Solana e da XRP, após ether e bitcoin

SEC aprovou pedidos para lançamento de ETFs de ether (Reprodução/Reprodução)

SEC aprovou pedidos para lançamento de ETFs de ether (Reprodução/Reprodução)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 24 de maio de 2024 às 15h42.

O banco britânico Standard Chartered acredita que outras criptomoedas, como a sol e o XRP, poderão ganhar seus próprios ETFs nos Estados Unidos após a aprovação de fundos de investimento em bitcoin e ether. Entretanto, o mais provável é que isso não ocorra em 2024.

Em um comunicado enviado nesta sexta-feira, 24, ao site The Block, o analista do banco Geoffrey Kendrick avalia que "no caso de outras criptomoedas, o mercado vai começar a ficar de olho no status de eventuais ETFs também, mas é mais provável que isso seja um assunto para 2025, não 2024".

Kendrick destaca que a aprovação dos ETFs de ether na última quinta-feira, 23, indica que a SEC reverteu sua posição sobre a criptomoeda e não a classifica mais como um valor mobiliário. E essa mudança tem o potencial para reverberar em todo o mercado, criando um precedente favorável.

Com isso, outras criptomoedas semelhantes ao ether também poderiam ter a sua classificação revista pela SEC e, a partir daí, terem as condições necessárias para a aprovação e lançamento de ETFs próprios de preço à vista.

"Em vários casos, a tecnologia central [dessas criptomoedas] é tão semelhante ao ether que seria difícil para a SEC alegar que se trata de um valor mobiliário, dada a posição sobre o ether. A indústria cripto agora parece ter apoio político em ambos os lados do Congresso", destaca o analista.

Na visão do analista, a aprovação dos ETFs de ether é um "divisor de águas" para o mercado e deve representar uma mudança regulatória para o setor. Entre os ativos que possivelmente podem ganhar ETFs no futuro, ele cita o XRP e a sol, criptomoeda nativa do blockchain Solana.

Ao mesmo tempo, o analista do Standard Chartered acredita que a tendência no momento é de ampliação da dominância de mercado do bitcoin e do ether, mesmo com outras criptomoedas podendo ganhar ETFs no futuro. Os dois ativos já são os maiores do mercado cripto, e essa posição deverá ser mantida e reforçada.

Ainda no comunicado, Kendrick reforçou a sua previsão de que o bitcoin deverá encerrar 2024 cotado a US$ 150 mil, apoiado principalmente pela forte demanda de investidores para os seus ETFs.

"Um portfólio contendo ETFs de bitcoin e ether é provavelmente atraente e a indústria foi ainda mais validada pela decisão da SEC sobre o ether", ressalta o analista.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | TikTok

Acompanhe tudo sobre:CriptomoedasCriptoativosETFs

Mais de Future of Money

Como um DJ famoso ganhou (e perdeu) milhões de dólares com NFTs

Após ETFs, o que vai ser do ether em junho? Especialista revela 3 previsões

Dado mostra economia dos EUA ainda aquecida: o que isso significa para o bitcoin e as criptomoedas?

Criador da Ethereum critica criptomoedas meme de celebridades

Mais na Exame