Acompanhe:

Quem será o novo técnico do Brasil? Veja os principais cotados

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, disse durante a preparação para a Copa do Catar que só iniciaria a busca por um novo treinador em janeiro. Com a eliminação, o processo deve ser acelerado

Modo escuro

Continua após a publicidade
CBF: Novo técnico da seleção brasileira deve ser definido até janeiro (Lucas Figueiredo/CBF/Flickr)

CBF: Novo técnico da seleção brasileira deve ser definido até janeiro (Lucas Figueiredo/CBF/Flickr)

A
André Martins

Publicado em 11 de dezembro de 2022 às, 11h02.

Última atualização em 12 de dezembro de 2022 às, 14h11.

Após eliminação na Copa do Mundo e a confirmação da saída do técnico Tite, a seleção brasileira vira a página para iniciar a preparação para o próximo Mundial, que acontecerá no México, Estados Unidos e Canadá em 2026.

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, disse durante a preparação para a Copa do Catar que só iniciaria a busca por um novo treinador em janeiro. Com a eliminação, o processo deve ser acelerado. 

LEIA TAMBÉM:

Além do sucessor de Tite, o mandatário terá que decidir quem será o diretor de seleções. Juninho Paulista ocupa o cargo e não tem a sua permanência garantida. As equipes de departamento médico, preparação física e análise de desempenho, que fizeram um bom trabalho na preparação para a Copa, terão a permanecia avaliada. 

Quem vai substituir Tite?

Como Tite já havia que deixaria a seleção brasileira antes mesmo da Copa do Mundo, a CBF, apesar de não assumir publicamente, já está mapeando possíveis sucessores.

Em entrevista antes da Copa, Ednaldo deixou claro que o próximo comandante pode ser um estrangeiro. "A gente não tem nenhum preconceito de nacionalidade. Pode ser um treinador brasileiro, pode ser um treinador estrangeiro, desde que tenha competência e realmente um envolvimento com aquilo que o futebol brasileiro necessita", declarou o presidente da CBF.

Entre os mais cotados pela mídia esportiva estão brasileiros e estrangeiros que fizeram boas campanhas nas últimas temporadas.

  • Dorival Júnior: sem clube
  • Fernando Diniz: Fluminense
  • Abel Ferreira: Palmeiras
  • Mano Menezes: Internacional
  • Jorge Jesus: Fenerbahçe, da Turquia;
  • Pep Guardiola: Manchester City
  • Carlo Ancelotti: Real Madrid

Situação dos técnicos cotados para assumir a Seleção

Guardiola é um dos favoritos do torcedor brasileiro. Em abril, o jornal espanhol Marca, noticiou que a CBF procurou o treinador espanhol e ofereceu um contrato milionário para ele assumir a seleção no próximo ciclo. O salário seria de 12 milhões de euros (R$ 61,6 milhões), inferior aos 20 milhões de euros (R$ 102,7 milhões) que o catalão recebe hoje no City. Em novembro, porém, o técnico renovou com o time inglês até 2025 e pode ter frustrado o sonho brasileiro. 

Um outro estrangeiro com sucesso no futebol europeu que está sendo cotado para assumir a seleção é italiano Caro Ancelotti.  Segundo a UOL esporte, o técnico italiano já foi consultado pela primeira vez em outubro, onde se demostrou aberto a iniciar as conversas.

O único desempregado da lista é o técnico Dorival Junior, atual campeão da Libertadores e Copa do Brasil. O treinador deixou o Flamengo após o clube abrir negociações com o português Vitor Pereira antes dele deixar o cargo. A negociação com a CBF será a mais fácil se ele for o escolhido.

Outro nome que não deve dificultar as conversar se for convidado é o português Jorge Jesus. Ele já sinalizou mais de uma vez que poderia retornar para o futebol brasileiro caso recebesse uma boa proposta.

Fernando Diniz renovou recentemente com o Fluminense, o que pode atrapalhar as conversas. Apesar de não ter conquistado nenhum título de relevância nacional, Diniz é lembrado pela forma ofensiva que suas equipes atuam.

Abel Ferreira ganhou tudo desde que chegou no Brasil. O treinador português renovou recentemente com o Palmeiras, mas a possibilidade de alçar voos maiores pode ajudar na negociação.

Mano Menezes, que já foi treinador da seleção brasileira, é cotado pela declaração do comentarista da TV Globo Caio Ribeiro. O ex-jogador disse que o atual técnico do Internacional será o novo treinador do Brasil em uma dobradinha com Andrés Sanchez, que assumiria um cargo de chefia da seleção masculina.

Com treinador brasileiro ou estrangeiro, a seleção brasileira volta a campo em março pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026.

Últimas Notícias

Ver mais
Jogos de hoje, segunda-feira, 15; onde assistir ao vivo e horários
Esporte

Jogos de hoje, segunda-feira, 15; onde assistir ao vivo e horários

Há um dia

Investimento das casas de apostas em patrocínios ultrapassa meio bilhão por ano na Série A
seloMarketing

Investimento das casas de apostas em patrocínios ultrapassa meio bilhão por ano na Série A

Há um dia

Com campanha histórica, Leverkusen é campeão alemão e quebra hegemonia de Bayern de Munique
Esporte

Com campanha histórica, Leverkusen é campeão alemão e quebra hegemonia de Bayern de Munique

Há um dia

Vasco da Gama x Grêmio: onde assistir, horário e escalações do jogo pelo Brasileirão
Esporte

Vasco da Gama x Grêmio: onde assistir, horário e escalações do jogo pelo Brasileirão

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais