Produção de cana-de-açúcar cresce 11,3% no Centro-Sul

No acumulado do ano, a produção de açúcar cresceu 5,03% comparativamente a igual período da safra anterior

São Paulo – O volume de cana-de-açúcar moída pelas unidades produtoras da região Centro-Sul, no acumulado do ano – desde o início da safra, em abril, até 15 de dezembro – atingiu 587,90 milhões de toneladas, com crescimento de 11,3% em relação à safra anterior.

Os dados foram divulgados hoje (20) pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

No acumulado do ano, a produção de açúcar cresceu 5,03% comparativamente a igual período da safra anterior, totalizando 33.97 milhões de toneladas contra 33,95 milhões de toneladas em 2012.

A produção de etanol somou 25,05 bilhões de litros – 10,8 bilhões de litros do tipo anidro e 14,16 bilhões de litros do hidratado –, um aumento de 18,63% na comparação com o mesmo período da safra anterior.

A previsão da Unica é que as usinas da região Centro-Sul encerrem as atividades da safra 2013/2014, em março de 2014, com moagem próxima de 589,6 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, o que representa aumento de 10,18% sobre a safra anterior.

etanol deverá atingir recorde de produção, com 25,04 bilhões de litros ante 21,36 bilhões de litros na safra passada.

Segundo o diretor técnico da Unica, Antonio de Pádua Rodrigues, a próxima safra deverá ter produção semelhante à da atual.

"Para a safra de 2014/2015, não teremos aumento da produção, pelo desestímulo vindo de um ano difícil, de fraco resultado econômico”, estimou Pádua.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.